Todo mundo quer saber quem é Leta Lestrange

Leta Lestrange. Desde que seu nome surgiu em Animais Fantásticos e Onde Habitam, os fãs se perguntam que mistérios guardam sua história. Bem, Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald respondeu!

Uma infância cheia de traumas e sem amor, uma juventude perturbada na escola e o sentimento de que todos achavam que ela era uma pessoa má. Todos, com exceção de Newt.

A amizade na escola, contudo, torna-se um sentimento maior para o bruxo, aparentemente não correspondido por Leta. No segundo filme da franquia Animais Fantásticos, encontramos Leta noiva do irmão de Newt, Theseus Scamander. A partir daí, o filme nos conta a história da personagem.

Atenção: artigo com GRANDES SPOILERS de Animais Fantásticos e Onde Habitam e de Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald.

Mudança de sentimentos

leta lestrange

Em Animais Fantásticos e Onde Habitam, descobrimos que Leta Lestrange é um amor antigo de Newt por meio da Legilimência de Queenie Goldstein. Queenie, entendendo o sofrimento do magizoologista, dá a ele um conselho: “She's a taker. You need a giver”. Que na tradução fica algo como “ela se aproveitava de você, você precisa de alguém que se doe”.

É já no primeiro filme, contudo, que Newt conhece Tina Goldstein, irmã de Queenie e auror do Ministério da Magia Americano. No segundo filme, fica evidente que os sentimentos do bruxo agora se voltam para Tina. Além de suas atitudes com ela, descobrimos que os dois trocaram cartas enquanto Newt estava proibido de viajar internacionalmente. Mas um outro ponto demonstra os sentimentos do magizoologista: a foto na mala agora é de Tina.

Leta, contudo, está presente. Noiva de Theseus e trabalhando no Ministério da Magia britânico, ela aparece pela primeira vez quando Newt vai mais uma vez ao Ministério tentar revogar sua proibição de viagem. Ela reclama do afastamento do amigo e demonstra saudades. Mas, para entendermos a relação, é preciso voltar um pouco.

Leta Lestrange em Hogwarts

leta lestrange

Leta frequentou Hogwarts de 1908 a 1915. Suas experiências na escola, contudo, foram marcadas por bullying dos colegas, que a julgavam por fofocas sobre sua família. A menina, que já parecia guardar segredos sombrios, cresce em torno de comentários sobre ser estranha e aparentemente má.

Além disso, é revelado que Leta perdeu um irmão ainda criança. Contudo, criou-se uma espécie de lenda urbana sobre a possibilidade de o bebê ter sobrevivido, o que fazia com que comentários constantes trouxessem à tona a memória dolorosa na garota.

Um dos únicos que parecia não julgar Leta era Newt. Com a visão de que não havia monstros, apenas olhares obtusos, Newt nunca julgou as criaturas fantásticas pelas quais era fascinado, ou as pessoas. Uma amizade inesperada nasce ali.

leta lestrange

Mas os mistérios sobre a menina se fortalecem após uma aula de Defesa Contra as Artes das Trevas, com Albus Dumbledore. O famoso momento de enfrentar um bicho-papão chega para os alunos do 3º ano. Na vez da bruxa, tudo o que se vê é um objeto envolto em panos brancos caindo lentamente do alto da sala.

O irmão perdido

leta lestrange

O mistério sobre a morte do irmão de Leta volta a ser explorado devido à busca de Credence por sua identidade. Seguindo as pistas que conseguiu, o rapaz vai a Paris e descobre, com uma ama, que o bebê da família Lestrange foi levado de barco para Nova York e entregue a um orfanato.

Com várias indicações de que Credence poderia, na verdade, ser Corvus Lestrange, um personagem chamado Yusuf Kama parece decidido a matá-lo. Em uma cena permeada por revelações traumáticas, descobrimos que Yusuf também é irmão de Leta.

O pai de Leta, que também se chamava Corvus Lestrange, se apaixonou por uma mulher casada, Laurena Kama. Decidido a tê-la para si, ele a enfeitiçou e se casou com ela, desprezando por completo o fato de que a mulher já era casada e tinha um filho: Yusuf.

leta lestrange

Laurena engravida, mas morre no parto de Leta. Corvus, então, que já não ligava para a mãe de Leta e nunca demonstrou grandes afeições pela menina, volta a se casar, dessa vez com Clarisse Tremblay. Da nova união, quando Leta já é uma criança maior, nasce um menino, que o pai batiza com seu próprio nome.

Os Lestrange, contudo, passam a correr riscos de vida, quando a família Kama busca por vingança. Corvus decide mandar os filhos para Nova York. O bebê de quem a ama e Leta cuidavam é entregue a um orfanato, com um documento assinado pela mesma ama que Credence rastreia.

Por todas essas indicações, Yusuf acredita que Credence é Corvus, e deseja matá-lo para vingar seus pais. Leta, contudo, insiste que Corvus (filho) está morto. Quando os presentes parecem não acreditar nela, ela revela: "Ele está morto, eu o matei."

A revelação de Leta

leta lestrange

Ainda criança e com uma infância marcada pela falta de amor do pai, Leta foi enviada para Nova York em um barco, apenas com a ama e seu irmão Corvus. Uma tempestade, contudo, coloca o barco em risco.

Em um momento em que a ama deixa os irmãos a sós, Leta troca o bebê por outro que estava no barco. Muito criança, naquele momento a menina queria apenas que o bebê parasse de chorar e o trocou. Quando os tripulantes saem do navio, o barco salva-vidas em que Leta está com o bebê trocado consegue se salvar. O barco em que a mulher desconhecida está com o bebê que, na verdade, é Corvus Lestrange vira e a criança morre afogada.

Neste momento, revela-se que a imagem na qual Leta viu o bicho-papão se transformar era o momento em que seu irmão se afoga, culpa que levou para o resto de sua vida.

A redenção de Leta

leta lestrange

Embora tenha passado toda sua vida acreditando ser uma pessoa má pelo que fez a seu irmão, ainda que não tenha sido sua intenção, Leta Lestrange tem seu momento de redenção ao final de Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald.

Em uma das cenas finais, quando Grindelwald segue reunindo seguidores, Leta se aproxima do bruxo das trevas. O que parecia ser o momento em que ela se uniria a ele, contudo, é o sacrifício de Leta para salvar aqueles que ama. Ela ataca Grindelwald a tempo de Newt, Theseus, Tina, Jacob, Nagini, Yusuf e Nicolas Flamel fugirem do local e impedirem a onda de destruição que o bruxo deixa para trás.

Ela morre nas mãos do bruxo. Antes de seu sacrifício, porém, ela se vira na direção dos Scamanders e diz "Eu te amo", sem que fique claro para quem ela se dirigiu.

Os mistérios que continuam

Belatriz Lestrange

Ao revelar a verdade sobre sua família e seu irmão, Leta mostra rapidamente sua árvore genealógica. Entretanto, não é possível encontrar a ligação entre ela e a única outra personagem que marcou o sobrenome Lestrange: Belatrix Lestrange.

Acredita-se que Leta tenha parentesco com Radolphus Lestrange, um feiticeiro que foi Ministro da Magia entre 1835 e 1841, posição social que explicaria, inclusive, a razão de a família Lestrange ter uma sala particular no Ministério da Magia de Paris.

A família de Puro-Sangue era conhecida por abominar a ideia de qualquer relacionamento entre bruxos e trouxas. Como parte dos Sagrados 28 (famílias mágicas que alegavam não terem antecedentes trouxas), os Lestrange casaram com outras famílias Puro-Sangue, como os Black, os Malfoy ou os Bulstrode.