Animais Fantásticos 2: Todas as referências a Harry Potter do filme!

Como já seria de se esperar, Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald está repleto de referências ao universo de Harry Potter, algumas maiores, outras que podem escapar até aos fãs mais atentos.

Estamos falando de nomes como Dumbledore, Lestrange, Rosier. Mas também de nomes como Carrow e até mesmo Chang. Se você já assistiu e não pegou todas as referências ou ainda vai assistir e já não quer perder nenhuma, confira a lista abaixo (avisamos quando houver spoilers!).

Os spoilers abaixos estão bloqueados por uma barra de proteção que é retirada apenas se o leitor desejar.

Albus Dumbledore

animais fantásticos

A primeira e mais óbvia referência não é exatamente apenas uma referência, mas um personagem de extrema importância para as duas franquias. Albus Percival Wulfric Brian Dumbledore é apresentado em sua versão mais jovem.

O amado diretor de Hogwarts e único que poderia ser uma real ameaça para Voldemort aparece em Animais Fantásticos ainda como professor da escola, mas mais uma vez como o único que representa uma ameaça ao vilão.

Em Harry Potter e as Relíquias da Morte, pudemos conhecer um pouco mais da história de Dumbledore, incluindo seu relacionamento com Gellert Grindelwald. Mas esta não foi a primeira vez que a franquia Harry Potter trouxe os nomes dos dois bruxos juntos!

Em Harry Potter e a Pedra Filosofal, Harry abre um Sapo de Chocolate, durante a viagem no Expresso de Hogwarts. Após o doce fugir pela janela, Harry observa a figurinha e vê Dumbledore. Atrás, um texto fala de algumas das conquistas do bruxo, incluindo derrotar Gellert Grindelwald!

Gellert Grindelwald

animais fantásticos

Como já sabemos, Gellert Grindelwald vai para Godric's Hollow após ser expulso de Durmstrang. Lá, enquanto fica na casa de sua tia, Batilda Bagshot (sim, a autora de Hogwarts: Uma História), ele conhece o jovem Albus Dumbledore.

Os dois desenvolvem uma relação próxima, mas Albus discorda da abordagem de Grindelwald de domínio dos trouxas por um "bem maior". Após um incidente que levou a irmã de Dumbledore à morte, o casal se separa, e Grindelwald segue pelo mundo conquistando seguidores.

Embora já tenhamos visto a história do bruxo nas páginas do livro de Rita Skeeter e no Pottermore (além de vê-lo mais velho, em Harry Potter e as Relíquias da Morte), acompanhar sua trajetória na conquista de seguidores para sua causa, com certeza, tem sido uma experiência relevante para os fãs das franquias. 

Ariana Dumbledore

animais fantásticos

Como era de se esperar, o que já sabemos do passado de Dumbledore deve ser abordado em mais detalhes durante a franquia Animais Fantásticos. E este segundo filme já trouxe uma rápida referência a Ariana Dumbledore.

Durante uma conversa tensa com Leta Lestrange, o professor fala que compreende a dor da ex-aluna, que perdeu um irmão. Ao ser questionado sobre como poderia entender, o bruxo conta que perdeu a irmã.

Ele ainda destaca que sua história é marcada por remorsos, fazendo referência à culpa que sente por não ter conseguido cuidar de sua irmã.

Minerva McGonnagal

animais fantásticos

Sim, os rumores estavam certos: ela está lá! Vemos Minerva rapidamente (o que torna a aparição da personagem um pequeno fanservice), quando os aurores do Ministério da Magia Britânico chega a Hogwarts.

Ainda que apenas em duas cenas, é de mexer com o coração de qualquer fã de Harry Potter ver a professora bem mais jovem, mas já com sua carismática e característica severidade.

Vale lembrar ainda que a existência da personagem no filme mexe com a linha do tempo de Harry Potter, segundo o qual a professora não deveria ter nascido ainda em 1927. (Para entender melhor, clique aqui)

Nicholas Flamel

animais fantásticos

Nicholas Flamel, o próprio! Conhecemos o nome de Flamel em Harry Potter e a Pedra Filosofal, visto que: ele é o criador da Pedra Filosofal.

A próxima informação, porém, pode ser spoiler para alguns:

A Pedra Filosofal aparece no filme! Em Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald, vemos o alquimista abrir uma espécie de cofre. Lá dentro, de relance, vemos a pedra cor de sangue cintilar.

Um amigo de longas datas de Dumbledore, Flamel parece ter mais história para contar na franquia! 

Leta Lestrange

animais fantásticos

É impossível ver o nome Lestrange e não se lembrar de Belatrix Lestrange, a comensal da morte responsável pela morte de Sirius Black e pela tortura que levou os Longbottoms à loucura.

Embora não tenha sido feita uma referência direta a Belatrix, Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald apresenta a história de Leta Lestrange, explorando sua relação com Newt, os traumas de seu passado e até sua ligação com Credence. Para saber mais sobre Leta Lestrange, clique aqui.

Nagini

Animais Fantásticos

Como todos já sabem, Nagini está presente em Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald. Embora não ganhe muito espaço neste filme, a expectativa é de que a personagem seja mais explorada em futuras sequências.

Nagini é uma mulher que carrega uma maldição de sangue, que a obriga em se transformar em uma cobra e a condena a, em um futuro próximo, assumir a forma do animal para sempre.

Para aqueles que não se recordam, esta é a mesma Nagini da franquia Harry Potter, a cobra e uma das Horcruxes de Voldemort.

De volta a Hogwarts

Animais Fantásticos

Tudo em Hogwarts é uma referência a Harry Potter! Motivo pelo qual ver novamente a sala de Defesa Contra as Artes das Trevas, o grande salão, os jardins e todas as torrinhas causa tanta nostalgia.

Logo que a cena começa, a trilha também se transforma, se tornando a clássica música de Harry Potter. Além disso, a aula que o professor Dumbledore dá é uma referência direta aos ensinamentos do Professor Lupin sobre bichos-papão. 

A Fênix

Animais Fantásticos

Estranho seria ver um fênix e não lembrar de Fawkes, fênix de Dumbledore que salvou a vida de Harry mais de uma vez. Neste filme, contudo, ela aparece em um momento muito específico.

Como a informação abaixo é spoiler, clique por sua conta e risco!

Para revelar a Credence sua identidade, Grindelwald pega o pequeno pássaro que o rapaz vinha alimentando e revela que o animal se trata de uma fênix. A ligação dos Dumbledore com as fênix, porém, é usado pelo bruxo para provar que Credence se trata de ninguém menos que Aurelius Dumbledore. Para saber mais, clique aqui.

Outros nomes conhecidos

Animais Fantásticos

Entre os nomes de Comensais da Morte, vemos Travers, Rosier e os Carrow. Os personagens que levam esses sobrenomes têm como descendentes vários daqueles que viriam a se tornar comensais da morte de Voldermort.

Mas há outros nomes que podem ter passado despercebidos. O auror da MACUSA, Mungo MacDuff, por exemplo, provavelmente é parente direto de Anita Macduff, que frequentou a escola no mesmo período em que Harry.

Já Stebbins provavelmente passou seu nome pelas próximas gerações, até chegar a outro Stebbins. O nome surge pela primeira vez em Harry Potter e o Cálice de Fogo, quando Harry diz ter visto o rapaz beijando uma garota, durante o Baile de Inverno.

Outro auror que conhecemos no longa se chama Chang. Sim, o mesmo sobrenome do primeiro amor de Harry na escola: Cho Chang..

Ainda não se sabe se esses personagens continuarão em Animais Fantásticos 3.

Perceberam mais alguma referência?

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald segue nos cinemas.