Conheça a origem e os poderes do apavorante Espantalho

Jonathan Crane, também conhecido como Espantalho, é um dos maiores e mais icônicos vilões da cidade de Gotham. Além de ser um dos inimigos mais perigosos do Batman, com sua capacidade de mexer diretamente com os traumas mais profundos do herói. Saiba mais sobre esse amedrontador inimigo do Homem-Morcego. 

Duas origens

Origem

Com a renovação do universo da DC para os Novos 52, as histórias de origem de muitos personagens foram alteradas. O Espantalho é um desses personagens. Portanto, possui duas histórias que contam o seu passado, embora ambas sejam terríveis para o personagem. Conheça as duas:

Antes do Novos 52, Jonathan Crane foi uma criança nascida fora do casamento. Sua mãe o desprezava e seu pai o abandonou antes mesmo que nascesse. Foi criado pela avó materna, uma senhora fanática religiosa que abusava do jovem Crane. Também sofria bullying na escola por causa de sua aparência magra.

Certo dia Jonathan é trancado por sua avó em uma igreja em ruínas repleta de corvos. Esse evento traumático desperta no personagem seu interesse pelo medo, além de sua afinidade pelos pássaros negros. Tempo depois desse incidente, Crane se vinga de sua avó, assassinando-a.

Já no universo dos Novos 52, Crane tem seu núcleo familiar rearranjado, mas nem por isso mais feliz. O jovem Jonathan dessa vez vive com seu pai, um psiquiatra cuja pesquisa envolvia a busca pelo entendimento do sentimento do medo. Em seus experimentos, Dr. Crane utilizava o próprio filho como cobaia, trancando-o sozinho em um quarto escuro.

Durante um desses experimentos, Dr. Crane sofre um ataque cardíaco e morre, deixando Jonathan preso no quarto. A ausência de Dr. Crane é sentida por seus colegas que acionam a policia após alguns dias. Os policiais encontram o corpo do psiquiatra, assim como o Jonathan ainda preso no quarto, quase morto de fome e extremamente traumatizado.

Esse evento o traumatizou por toda sua infância e eventualmente o levou a seguinte conclusão: se ele pudesse controlar o medo, ele nunca mais teria que reviver essa emoção novamente. Esse pensamento se tornou uma  obsessão que o motivou a se tornar um psicólogo especializado em fobias no futuro.

Personalidade obcecada com o medo

Tornando-se o vilão

Ambas as histórias de origem do personagem levam Jonathan Crane a desenvolver uma obsessão em relação ao medo. Isso faz com que se forme na Universidade de Gotham, tornando-se um psicólogo. Por isso suas ações não são motivadas por dinheiro, como a vários outros vilões, mas vê suas vilanias como se fossem um modo de pesquisa.

Crane se mostra ser pouco empático com outras pessoas. Isso pode ser notado na sua relação com seus pacientes, pois muitas vezes, em vez de tratá-los, preferia piorar suas condições mentais. Além disso, também utilizava seus pacientes como cobaias no desenvolvimento de seu gás do medo, uma substância alucinógena que faz as pessoas delirarem com aquilo que mais aterroriza a si mesmas.

O Espantalho também demonstra ser bastante violento e vingativo. Evidenciado não apenas no caso em que matou a própria avó, mas também nas mortes das pessoas responsáveis por sua demissão do cargo de professor de psicologia.

A longa exposição ao seu próprio gás do medo fez com que Crane desenvolvesse uma imunidade à substância. Aos poucos, não só o gás parou de afetá-lo, como também parou de sentir qualquer tipo de medo. A exceção era somente uma única coisa, o Batman, apenas ele era capaz de despertar esse sentimento no Espantalho.

Poderes, habilidades e equipamento

Poderes e habilidadaes

Gás do medo

A principal arma utilizada pelo Espantalho. Esse gás alucinógeno faz com que as vítimas do vilão tenham visões daquilo que elas mais tem medo. Em adição a isso, o gás também é capaz de fazer as pessoas desenvolverem novas fobias. Essa substância é bastante versátil e pode ser utilizada de várias formas diferentes, como aerossol, dardos e cápsulas. 

Máscara

Apesar de ter desenvolvido uma resistência natural ao próprio gás do medo, a máscara do Espantalho serve para que ele não se intoxique com sua própria substância. Além disso, sua aparência medonha serve para um segundo propósito, causar ainda mais terror nas alucinações de suas vítimas.

Combate

Quando é forçado a lutar, o Espantalho se mostra um excelente lutador. Ele usa uma variação do kung fu estilo garça, uma arte marcial batizada de "dança violenta" que faz bom uso de seus braços e pernas longos.

Também costuma utilizar de ferramentas de fazenda como armas, como garfos e foices.

Química

Possui um bom conhecimento de química, que utiliza para a produção de seu gás do medo.

Psicologia

Talvez seu conhecimento sobre psicologia, principalmente seu conhecimento sobre ansiedades, medos e fobias, seja seu ponto forte. Sabe analisar as pessoas e descobrir rapidamente qual é o medo mais profundo delas, além de saber como utilizar esse medo contra elas. 

Tropa Sinestro

Tropa Sinestro

Durante os eventos da Noite Mais Escura, os anéis das sete tropas de lanternas se duplicaram e buscaram novas pessoas para empunhá-los. O Espantalho, devido a sua grande capacidade de espalhar o terror, foi escolhido pelo anel amarelo para se tornar um membro da Tropa Sinestro

O anel amarelo concedeu ao Espantalho a possibilidade de sentir medo novamente, o que o deixava estasiado de alegria. De posse de novos poderes, o Espantalho se mostrou um grande combatente, seguindo as ordens de Sinestro. Foi um grande adversário para a Tropa dos Lanternas Negros.

Contudo, essa aliança aos Lanternas Amarelos durou pouco tempo. O Espantalho foi logo derrotado por Lex Luthor que estava de posse do anel laranja da ganância, tendo seu anel amarelo roubado em seguida.

Esses foram os fatos essenciais sobre o Espantalho, um vilão capaz de transformar seus pensamentos mais íntimos e reprimidos no seu maior inimigo. Um vilão perfeito para um herói que também usa o medo em suas táticas de combate ao crime.