The Walking Dead: entenda a decisão chocante de Sasha

Sasha foi o elemento mais importante do finale da sétima temporada de The Walking Dead. A sua decisão e a coragem que ela teve em enfrentar o seu destino foram fundamentais para o desenvolvimento dos acontecimentos.

Conheça agora as revelações da atriz Sonequa Martin-Green sobre o ato de Sasha.

Spoilers para o episódio finale da temporada 7.

A escolha altruísta de Sasha

Sasha e Negan

Desde a morte de Abraham que Sasha buscava uma forma de se vingar e matar Negan. Quando Rosita apareceu em Hilltop para uma missão secreta com esse mesmo objetivo, Sasha não pensou duas vezes.

Mas o plano não correu como elas desejavam e Sasha escolheu entrar sozinha na comunidade dos Salvadores. Rapidamente capturada pelos homens de Negan, ela sabia que seria morta ou seria convertida em uma Salvadora.

Sasha escolheu uma terceira via. Ela usou o seu suicídio para dar uma oportunidade a Alexandria e ainda tentar atacar Negan de forma surpreendente. Em entrevista ao Entertainment Weekly, Sonequa Martin-Green revelou que não podia estar mais feliz pela forma como Sasha se sacrificou:

“Foi bastante poético quando eu descobri como isso ia acontecer. Porque eu senti que este era o fim perfeito para a minha história, a culminação perfeita da minha vida. Eu senti como se todos os meus caminhos tivessem levado até esse momento de chegar a um lugar de altruísmo completo. Pareceu perfeito.”

O espírito guerreiro de Sasha não será esquecido

Negan e Sasha zumbi

Martin-Green entende esse desfecho como ideal para a sua Sasha lutadora até o fim:

“Desta forma bela, foi a primeira vez que torcemos por um zumbi. Além disso, foi bonito porque da forma como eu vi, o espírito guerreiro continua vivo. Que, mesmo na morte, eu ainda lutaria, porque eu tinha entendido o meu propósito. Isso tinha sido revelado para mim."

Essa ideia de um objetivo maior que a sua própria vida, é algo que a atriz reforçou como sendo a chave na escolha de Sasha. A decisão de se sacrificar por um futuro melhor e que faria "isso mesmo na morte."

Ela se tornou uma arma

Abraham e Sasha

Para todos que se questionam por que Sasha teve de morrer daquele jeito, o showrunner Scott M. Gimple deu a resposta em Talking Dead:

“Isto foi sempre sobre Sasha não ser uma vítima. Ela queria uma arma de Eugene. Ela queria uma faca. Ela não teve uma, então ela se tornou a faca.”