É oficial! Pantera Negra ultrapassou US$1 bilhão na bilheteria mundial! Com mais essa marca alcançada, filme bate novos recordes nos Estados Unidos e no mundo.

As novas conquistas de Pantera Negra

pantera negra

Como o constante crescimento da arrecadação de Pantera Negra já indicava, o filme ultrapassou o valor de US$1 bilhão em seu quarto fim de semana em cartaz, tornando-se o 5º filme da Marvel a chegar a essa marca. As informações dos valores são do Box Offcie Mojo.

Além disso, o longa quebrou mais alguns recordes nesse caminho. Confira abaixo as novas conquistas do filme:

  • Em seu 3º fim de semana, Pantera Negra arrecadou US$65,7 milhões nos Estados Unidos, tornando-se a maior bilheteria doméstica em um final de semana do Oscar;
  • Com a arrecadação do 3º fim de semana, o filme superou os US$500 milhões no país e se consagrou como a décima maior bilheteria da história dos Estados Unidos;
  • Segundo dados do Box Office Mojo, o longa foi a terceira produção que ultrapassou mais rápido a marca de US$500 milhões nos Estados Unidos, ficando atrás apenas de Star Wars: Os Últimos Jedi (alcançou em 16 dias) e Jurassic World (17 dias);
  • Com a arrecadação do 3º fim de semana, Pantera Negra possibilitou que a bilheteria americana atingisse US$1 bilhão em um mês de fevereiro pela primeira vez na história. O valor foi o impulso necessário que se somou a Jumanji: Bem-Vindo à Selva (US$ 393 milhões), O Rei do Show (US$ 164 milhões) e Cinquenta Tons de Liberdade (US$ 95 milhões);
  • Na semana que seguiu, Pantera Negra alcançou a marca de US$506,4 milhões em sua bilheteria doméstica e ultrapassou o valor alcançado por A Bela e a Fera (US$504 milhões), tornando-se a 9ª maior bilheteria dos Estados Unidos;
  • Em seu quarto fim de semana em cartaz, Pantera Negra contabilizou US$562 milhões nos Estados Unidos e US$500 milhões no mercado internacional, ultrapassando a marca de US$ 1 bilhão na bilheteria mundial.

Na China, segundo maior mercado do mundo, o filme superou a expectativa dos US$60 milhões de arrecadação no primeiro fim de semana de estreia do filme e alcançou os US$ 66,5 milhões, desempenho fundamental para o longa alcançar a marca de US$1 bilhão. E o filme segue em cartaz! 

Exemplo de diversidade que será seguido pela Marvel

black panther

Pantera Negra se tornou um exemplo de representatividade na história do cinema, tanto por trazer fortemente elementos da cultura negra, como por contar não apenas com elenco quase 100% negro, mas também com pessoas negras entre os membros da equipe, em destaque o diretor Ryan Coogler. A mesma iniciativa já está sendo seguida por Capitã Marvel. Primeiro filme da Marvel com uma protagonista feminina que dá nome ao filme, o longa será codirigido por Anna Boden e Ryan Fleck, contando com a presença feminina também na direção.

Em entrevista recente ao Entertainment Weekly, o presidente da Marvel Kevin Feige falou sobre Pantera Negra ter se tornado um marco de uma representatividade que a Marvel deve seguir tendo em suas próximas produções.

"Eu acho que nós estamos vendo isso se transformar de uma iniciativa muito intencional para apenas um fato da vida, apenas uma maneira de fazer negócios. Há pessoas que contratamos, as quais não estamos prontos para anunciar ainda, em todos as variadas funções, principalmente atrás das câmeras. Como Pantera Negra declarou em voz alta, representatividade apenas ajuda, ajuda a contar histórias únicas, ajuda a fazer as coisas de um jeito novo, único e emocionante. Se você faz isso, o público vai perceber, vai gostar e vai apoiar isso."

Segundo Feige, os próximos projetos do estúdio incluem novas locações e países que possuem significância cultural própria.

"Continuaremos a contar histórias que representam o mundo como ele é, que representam pessoas que talvez não se vissem representadas dessa maneira no passado. Queremos continuar a fazer isso."

Pantera Negra segue em cartaz.