Conheça Maria Hill, o braço direito de Nick Fury!

Criada pelo roteirista Brian Michael Bendis e pelos ilustradores David Finch e Danny Miki, Maria Hill fez a sua primeira aparição nos quadrinhos em 2005, numa HQ dos Vingadores.

Apesar de ser uma criação da Marvel bastante recente, a personagem foi adaptada para live-action no filme Os Vingadores produzido em 2012. A atriz escolhida para o papel foi Cobbie Smulders, que voltou a interpretar a personagem nos filmes Capitão América: O Soldado Invernal Vingadores: Era de Ultron.

Maria Hill pode parecer uma personagem simples se a compararmos com os restantes Vingadores, mas existe muito mais do que aquilo que aparece nos filmes. Neste artigo iremos falar um pouco sobre a história desta fabulosa integrante da S.H.I.E.L.D.

Uma infância difícil 

maria-hill-marvel

Maria Hill não teve uma infância fácil e desde o momento do seu nascimento ela teve que ultrapassar várias adversidades. Durante o seu nascimento a sua mãe faleceu, não sobrevivendo ao parto. Curiosamente o seu pai sempre se sentiu culpado pelo fato da sua esposa, e mãe de Maria, ter falecido.

Quando foi para a escola, Maria Hill demonstrou ser uma criança bastante rebelde, apesar de super inteligente e focada, no entanto estava sempre questionando o status-quo.

Quando atingiu a maioridade, ela optou por abraçar uma carreira nas Forças Armadas, tendo mais tarde ingressado na S.H.I.E.L.D. onde acabou por construir a sua carreira.

A carreira na S.H.I.E.L.D. 

shield-maria-hill

Durante a sua carreira na S.H.I.E.L.D., Maria Hill sempre foi muito próxima de Nick Fury o ajudando em várias missões. No entanto, ela não seguia o diretor da organização cegamente.

Isso foi algo que lhe valeu a promoção a diretora daquela organização. Depois de Nick Fury ter desaparecido no final das Guerras Secretas, o Presidente dos Estados Unidos escolheu Maria Hill para diretora da S.H.I.E.L.D.

Apesar de existirem outras pessoas com mais qualificações para ocupar aquela posição, Maria Hill foi escolhida para o cargo por não ser uma seguidora fanática de Nick Fury.

Os super-heróis não eram os seus maiores fãs

shield-maria-hill

Maria Hill é provavelmente uma das mais profissionais integrantes da S.H.I.E.L.D., no entanto a sua reputação no seio da comunidade de super-heróis não é a melhor.

Algo que contribuiu para isso foi o fato dela ter estado a favor da lei de registro super-humano, tendo mesmo chegado a forçar o Capitão América a se juntar à resistência após este não ter assinado a lei.

Mais tarde Maria Hill acabou por resignar ao cargo de diretora por entender que não era a pessoa mais adequada para aquela função. Curiosamente o escolhido para a substituir foi Tony Stark!

De volta ao cargo de diretora

shield-maria-hill

Apesar de ter renunciado ao cargo, tendo sido substituída por Tony Stark, Maria Hill acabou por regressar, se tornando de novo diretora da S.H.I.E.L.D.

Contudo ela decidiu adotar uma posição menos extremista em relação aos super-heróis, começando até a trabalhar juntamente com alguns deles.

Ela trabalhou em conjunto com os X-Men, na tentativa de capturar o Ciclopes depois deste ter assassinado o Professor Charles Xavier. Apesar das mudanças, Maria Hill continua a ter uma personalidade muito difícil, sendo super fiel às suas convicções.

A versão da Terra 1610

shield-maria-hill

No entanto esta não é a única versão existente de Maria Hill no mundo dos quadrinhos da Marvel. Na Terra 1610, onde existem diferentes versões de vários personagens Marvel, Maria Hill não é integrante da S.H.I.E.L.D.

A personagem é uma detetive de homicídios responsável pela investigação do homicídio de Aaron Davis e Betty Brant. Foi no decorrer dessa tarefa que ela acabou descobrindo que o Homem-Aranha era na realidade Miles Morales.

Maria Hill está cada vez mais merecendo atenção por parte dos fãs da Marvel, por isso é natural que no futuro existam mais versões desta curiosa personagem.