Não é de se espantar que uma das mais poderosas mutantes do universo Marvel também possua uma ligação direta (e sanguínea) com outro personagem poderosíssimo desse universo. Saiba mais sobre quem é Polaris, essa super-heroína com incríveis poderes magnéticos.

Filha do Magneto

Filha do Magneto

Lorna Dane é uma mutante, nascida de um caso extraconjugal entre Suzanna Dane e Erik Lehnsherr, o Magneto. Poucos anos após o nascimento de Lorna, o esposo de Suzanna, Arnold, descobre a traição de sua esposa e os dois brigam em seu avião particular. Lorna se assusta com a briga dos pais e grita pedindo que eles parem com aquilo. Nesse momento ela desperta seus poderes mutantes, seus cabelos se tornam verdes e dispara um pulso eletromagnético que destrói o avião.

Devido ao pulso eletromagnético, Magneto é atraído para o local do acidente e encontra Lorna. Apenas a garotinha sobrevivera à queda do avião. Querendo evitar uma vida de traumas para sua filha, Magneto pede a Mestre Mental, um dos integrantes de sua Irmandade de Mutantes, para alterar as memórias de Laura sobre aquele dia. A garota então esqueceu de sua participação nos acidente aéreo, e também que possui poderes.

Após o acidente de seus pais, Lorna foi viver com seus tios, que a criaram como se fosse sua própria filha. Assim foi, pois Lorna já não possuía mais memórias de seus pais ou do acidente.

Encontro com os X-men

X-Men

O encontro de Lorna com os X-Men aconteceu em San Francisco, quando ela estava sob uma espécie de transe mental. Eles lhe disseram que ela havia sido atraída para aquela cidade por conta de algum plano maligno. Também lhe contam que ela possui poderes mutantes, mas que estes ainda não haviam se revelado.

Assim que os X-Men saem para procurar mais evidências sobre quem está atraindo mutantes para San Francisco, o vilão Mesmero se revela e sequestra Lorna. Mesmero desperta de uma vez por todas os poderes mutantes de Lorna e revela que a jovem é na verdade a filha de seu mestre, o Magneto. O próprio Magneto aparece e confirma essa revelação.

Confusa com essas revelações, Lorna se alia a Magneto na luta contra os X-Men. Contudo, Homem de Gelo faz uma pesquisa sobre o passado da jovem mutante e descobre que seus pais na verdade haviam morrido em um acidente de avião. Ele então revela isso para Lorna, que, por sua vez, se volta contra Magneto, permitindo que ela escape junto com os X-Men.

A partir de então, Lorna se tornaria uma integrante dos X-Men, eventualmente adotando o nome Polaris como seu codinome. Também foi nesse supergrupo que ela conheceu Alex Summers, o Destrutor, com quem começaria um relacionamento cheio de altos e baixos. 

Pestilência

Pestilência

Polaris passou por muita coisa ao longo dos anos, abandonou os X-Men, integrou a equipe governamental X-Factor e treinou seus poderes mutantes com Magneto. É válido dizer que finalmente foi revelado que Magneto é mesmo seu verdadeiro pai. Em adição a tudo isso, durante o evento Dinastia M dos quadrinhos, Polaris foi uma de vários mutantes do planeta que perderam seus poderes.

Essa situação não duraria muito tempo. Polaris foi sequestrada pelo terrível Apocalipse, que, após fazer uma lavagem cerebral em Lorna, transformou ela em Pestilência, um de seus Quatro Cavaleiros. Apocalipse também injetou sua tecnologia no corpo de Polaris para que ela pudesse recuperar seus poderes.

Os X-Men e os Vingadores juntaram forças para combater Apocalipse e seus Cavaleiros. Wolverine foi o responsável por derrotar Pestilência e descobrir que era Polaris por debaixo da máscara. Destrutor, graças a um soro que possuía, conseguiu trazer Lorna de volta ao seu estado normal.

Instabilidade

Instabilidade

Sua atuação como um dos Cavaleiros do Apocalipse não foi a única vez que Polaris esteve do lado dos vilões. Na verdade, já houve muitas outras ocasiões e se pode dizer que ela possui uma personalidade instável, herança direta de Magneto. O autor Peter David (que escreveu durante anos histórias da personagem na HQ X-Factor) confirmou mesmo que Polaris sofre de transtorno bipolar.

A primeira vez que Polaris se tornou uma inimiga (excluindo a história de encontro com os X-Men) foi na situação em que sua mente foi controlada por Davan Shakari, um alienígena Shi'ar. Foi Davan o responsável por criar o codinome Polaris para Lorna Dane. Tanto Polaris quanto Destrutor estavam sob o controle do alienígena e receberam o comando de atacar os X-Men e assassinar Charles Xavier.

Não seria a última vez que sua mente seria controlada para o mal. Polaris também já foi possuída pelo espírito psiônico chamado Maligna. Aparentemente, as duas estavam conectadas para sempre. Com Maligna no comando de suas ações, Polaris liderou o grupo de mutantes assassinos, os Carrascos.

Outro momento em que Polaris se viu como uma vilã foi em seu casamento. Quando Lorna foi deixada no altar por Alex Summers, ela ficou louca de raiva, criou um capacete aos moldes de Magneto para si mesma, e quase matou Alex. Seu ataque foi impedido pelo Fanático e levada aos cuidados de Charles Xavier para que ele buscasse na mente de Polaris o motivo de sua mudança de personalidade.

X-Factor

Fator-X

Atualmente Polaris se encontra do lado do bem, comandando uma equipe de super-heróis. Contudo, não é uma equipe como as outras. Ela lidera a X-Factor das Indústrias Serval, a primeira equipe de super-heróis a pertencer completamente a uma corporação. Os outros membros desse time são Gambit, Mercúrio, Cifra, Warlock e Perigo.

Poderes

Poderes

A principal herança genética que Polaris recebeu de seu pai Magneto foi o seu gene mutante, incluindo os mesmos poderes. Portanto, a mutante tem um controle total sobre campos magnéticos e todas as variações que esse poder pode assumir. Abaixo se encontra uma lista das principais formas que seu poder pode se apresentar:

Manipulação de metais

A principal característica de seu poder é sua influência sobre os metais. Polaris é capaz de mover e manipular metais, ao ponto de conseguir dobrá-los, liquefazê-los, e de rearranjar sua forma. Por consequência, ela também possui influência sobre o ferro dentro de seres vivos.

Campos de força magnéticos

Polaris pode estender e criar campos de força magnética tão fortes que são capazes de defendê-la de ataques físicos como se fossem escudos de energia. Não apenas podem agir como uma forma de defesa, como também podem ser usados para erguer pessoas e objetos.

Conexão geomagnética

Outro aspecto de seus poderes mutantes é sua conexão natural ao campo magnético da Terra. Polaris consegue sentir imediatamente tudo que acontece com esse campo, ao mesmo tempo que também é fortalecida com sua energia. Como se isso não bastasse, também consegue utilizar esse campo magnético para se erguer no ar, utilizando como uma forma de voo.

Pulsos magnéticos

Polaris pode concentrar sua habilidade de criar energia magnéticos para executar disparos de energia concussiva. Além disso, também pode criar pulsos magnéticos que podem destruir ou desabilitar aparelhos elétricos por certos períodos de tempo.

Absorção de energia

Também consegue, em certa medida, absorver diferentes tipos de energias através de seus campos de força, utilizando essa energia para aumentar suas próprias forças.

Esse foi o perfil de Polaris, uma mutante incrivelmente poderosa dos quadrinhos. Em breve também será uma mutante poderosa na TV, sendo uma das personagens presentes na série The Gifted da Fox.

The Gifted estreia 2 de outubro de 2017.