As piores séries de super-heróis de todos os tempos

Hoje em dia quase todo canal de televisão tem uma série de super-heróis. Felizmente as produções estão cada vez melhores e a linha que as distingue dos filmes começa a ser cada vez mais tênue. Mas nem sempre foi assim... antigamente tinham adaptações de quadrinhos para a telinha bem, mas bem, ruins. Neste artigo vamos mostrar as cinco piores.

5. Aves de Rapina

aves-de-rapinda-artigo

Depois da Batgirl ter sido alvejada pelo Coringa, ficando confinada a uma cadeira de rodas, ela decidiu utilizar a sua inteligência e os seus contatos do mundo dos super-heróis para combater o crime atrás da tela do computador. E contou com a ajuda de duas super-heroínas, a Caçadora e a Canário Negro.

A série falhou por ignorar por completo as HQs e pelas péssimas sequências de ação (ouviu Arrow?)... Atualmente ninguém se lembra que esse negócio existiu.

4. O Fantástico Homem-Aranha

No final dos anos 70, a Marvel fez uma parceria com a MGM e com a CBS para produzir uma série de TV sobre o Homem-Aranha. Mas na década de 70, os orçamentos para este tipo de produções eram bem mais reduzidos, o que resultou numa série horrenda.

O uniforme do Homem-Aranha mais parecia um pijama, e o roteiro da série era chato e sem qualquer tipo de continuidade. A atriz que interpretava o papel de Tia May foi alterada três vezes, e o interesse romântico de Peter estava constantemente mudando entre a Gwen Stacy e a Mary Jane Watson.

Até Stan Lee admitiu que odiou esta série.

3. Lois & Clark: As Novas Aventuras do Super-Homem

superman

Pegar um dos maiores super-heróis do mundo e desperdiçar todo o seu potencial com uma espécie de comédia-romântica parece uma ideia ridícula, certo? Mas foi exatamente o que essa série fez! Além disso, a série tem várias cenas absolutamente ridículas. Uma das mais absurdas foi o aparecimento de um misterioso bebê que Clark e Lois decidem adotar.

Podemos ainda dizer que esta série foi a responsável por abrir a caixa de pandora, que fez com que várias séries de super-heróis ignorem as HQs em favor de histórias apenas baseadas em romance.

2. Legends of the Superheroes

Legends of the Superheroes

Apesar de esta ter sido a primeira adaptação da Liga da Justiça para a telinha, praticamente nunca ninguém ouviu falar desta série. E sabe qual a razão para ninguém a conhecer? Ela foi um verdadeiro fracasso!

Em Legends of the Superheroes, os atores Adam West, Burt Ward e Frank Gorshin voltaram para os papéis de Batman, Robin e Charada. E ainda foram adicionados outros personagens famosos da DC Comics, como o Flash, Canário Negro, Gavião Negro, entre muitos outros.

Nada disso deu algum resultado. Os produtores da série decidiram transformar este show numa comédia... Sem qualquer graça.

1. O Homem Elétrico

O Homem Elétrico

Sabe o que acontece quando um saxofonista amador é atingido por um raio? Ele se transforma no... Homem Elétrico! Este super-herói possui o poder de sentir telepaticamente o mal. Só que o seu superpoder tem um efeito secundário... Ele não consegue dormir!

Mas a parte mais ridícula de toda esta série é que este músico amador constrói um uniforme que lhe dá novas habilidades, como voar e dispara lasers pelos olhos. A pergunta que fica é: como um músico sem trabalho tinha grana para construir um uniforme desses?

Para tornar as coisas piores, Donald Trump fez parte de um dos episódios.