7 curiosidades surpreendentes da escola mágica Ilvermorny

Com a revelação da história da escola mágica Ilvermorny, J.K. Rowling abriu as portas a um novo mundo fantástico.

Explore as curiosidades que Ilvermorny esconde e se surpreenda!

1. A escola é localizada em Massachusetts

Monte Greylock

É nos Estados Unidos da América, em Massachusetts, que reside Ilvermorny. A autora localizou a escola mais precisamente no “topo de Monte Greylock”.

Infelizmente, se for como nós e não possuir magia, Ilvermorny permanecerá escondida graças a poderosos feitiços de ocultação. Por vezes, surge até um denso nevoeiro no topo da monte para desviar a atenção dos não-maj mais desconfiados.

2. A ligação familiar com Salazar Slytherin

A estátua de Salazar Slytherin em Hogwarts

Uma das fundadoras de Ilvermorny, Isolt Sayre, nasceu na Irlanda no século 17 e seus laços de sangue se estendem a um dos fundadores de Hogwarts: Slytherin.

Os pais de Isolt eram pessoas pacíficas que, infelizmente, morreram muito cedo. Isolt tinha apenas 5 anos quando perdeu seus pais num incêndio em sua casa. A tia Gormlaith que criou a menina, tentando sempre reverter seu espírito bondoso.

Mais tarde, Isolt recebeu a carta de Hogwarts que nós tantos desejamos. Mas sua tia não permitiu que a menina entrasse na escola argumentando que “por ser descendente de Morrigan e Salazar Slytherin, deveria se relacionar apenas com bruxos de sangue puro.”

Anos depois, Isolt descobriu que sua tia assassinou seus pais e a raptou para a educar da forma que achava mais correta: com ódio por quem é diferente de nós.

3. Voldemort é descendente da família de Isolt

Lord Voldemort

A tia austera e preconceituosa de Isolt se chamava Gormlaith Gaunt. A família Gaunt produziria o seu mais infame descendente através da jovem Mérope Gaunt.

Mérope foi a mãe de Aquele-Cujo-Nome-Não-Deve-Ser-Pronunciado: Tom Servolo Riddle, mais conhecido por Lord Voldemort.

Cerva vez, Dumbledore descreveu os Gaunts como “uma família de bruxos muito antiga, conhecida por sua instabilidade e violência que floresceu através de gerações devido ao seu hábito de se casarem com seus próprios primos.”

4. Existem 4 casas em Ilvermorny

Brasão de Ilvermorny

As casas da escola americana se dividem em 4 como a nossa velha conhecida Hogwarts. Os nomes das casas de Ilvermorny são: Serpente Chifruda, Pukwudgie, Pássaro-Trovão e Pumaruna.

5. A origem do nome Ilvermorny

A casa perdida de Isolt Sayre

O nome surgiu como homenagem à casa irlandesa onde Isolt Sayre nasceu e que fora destruída por sua tia. A jovem criou um novo lar dedicado ao ensino e o nome Ilvermorny foi a escolha perfeita.

6. Não existe um Chapéu Seletor

Chapéu seletor em Harry Potter

Qualquer super fã de Harry Potter sabe perfeitamente como se realizam as cerimônias do início de cada ano, mais especificamente a seleção de alunos para cada casa. O Chapéu Seletor é colocado na cabeça dos novos estudantes e esse mágico objeto descobre a que casa o aluno pertence.

Em Ilvermorny, essa tradição não existe. A escolha mágica é feita pelo símbolo do nó górdio instalado no piso de pedra da escola. Um a um, os alunos são chamados e e se colocam sobre o símbolo.

Se a Serpente Chifruda quiser o aluno, o cristal em sua testa se acenderá. Se Pukwudgie aprovar o aluno, ele aponta sua flecha para o ar. Pumaruna dará um rugido e Pássaro-Trovão baterá as asas em sinal de aprovação.

7. As varinhas mágicas são atribuídas na escola de magia

Isolt Sayre

Mais diferenças em relação a Hogwarts. Em Ilvermorny, após a cerimônia da escolha de casas, os alunos são levados para um local onde as varinhas mágicas irão escolher os seus donos.

As varinhas têm que ser deixadas na escola durante as férias e, apenas quando atingem os 17 anos de idade é que os estudantes são totalmente proprietários das suas varinhas.

Estas restrições vêm de uma Lei Mágica do fim do século 19, que solicita a cada bruxo uma permissão para usar a varinha mágica.

O universo mágico dos Estados Unidos será revelado no longa Animais Fantásticos e Onde Habitam!