Conheça Mon-El, o poderoso Daxamita!

Criado em 1961 pelo lendário roteirista Robert Bernstein e pelo ilustrador George Papp, Mon-El fez a sua primeira aparição nos quadrinhos na HQ Superboy, número 89. Curiosamente este personagem foi inspirado num outro herói de nome Halk Kar, existindo muitas semelhanças entre os dois.

Recentemente este personagem dos quadrinhos ganhou destaque graças à sua aparição no elenco regular da série live-action, Supergirl. Porém muitos aspectos do personagem das HQs foram alterados para a versão da telinha.

Neste artigo vamos falar um pouco sobre a origem de Mon-El nos quadrinhos, destacando as principais diferenças entre as HQs e a série de televisão.

Smallville, o berço da excelência

mon-el

Assim como aconteceu com o Superman, a nave que trouxe Mon-El para o planeta Terra caiu em Smallville, sendo que curiosamente foi Clark Kent que a encontrou. Dentro dessa nave estava um jovem assustado que não tinha qualquer memória do seu passado, contudo ele sabia falar Kryptoniano

Imediatamente, Clark pensou que estava diante de mais um sobrevivente do planeta Krypton, lhe tendo dado o nome de Mon-El. "Mon" porque ele aterrissou no planeta Terra em uma segunda-feira (Monday em Inglês), e "El" pois este era o nome de família que Clark tinha em Krypton.

Mon-El acabou por adotar o nome terrestre Bob Cobb, com o objetivo de conseguir ter uma vida normal no planeta Terra, contudo iria ser feita uma grande descoberta ligada ao passado de kryptoniano!

Você já ouviu falar em Daxam?

daxam-mon-el

Assim que Mon-El foi exposto pela primeira vez ao mineral Kryptonita, ele não sentiu qualquer tipo de dor ou fraqueza. Clark começou imediatamente a pensar que Mon-El estava fingindo ser Kryptoniano para algum propósito malvado.

Para ver se Mon-El fazia de conta que sentia algum tipo de dor, Clark criou um pedaço de Kryptonita falsa, completamente feita de chumbo. Quando Mon-El foi exposto ele começou a sentir dores muito fortes e acabou ganhando suas memórias de volta, foi aí que ele confessou a Clark que era oriundo do planeta Daxam.

Clark acabou por descobrir que ao contrário da Kryptonita o envenenamento através de chumbo não podia ser invertido, foi aí que ele decidiu colocar o seu amigo na Zona Fantasma até que fosse encontrada uma cura.

O regresso no século XXXI

supergirl

Clark nunca conseguiu encontrar uma cura e Mon-El ficou aprisionado na Zona Fantasma até o século XXXI, quando acabou por ser libertado pela Legião de Super-Heróis.

A Garota de Saturno conseguiu criar um antidoto a que chamou Serum XY-4, que permitia fazer com que Mon-El escapasse da Zona Fantasma por breves períodos de tempo. Foi durante esta época que Mon-El ganhou o estatuto honorário de Legionário.

Mais tarde o Brainiac 5 desenvolveu um novo antídoto, baseado naquele que a Moça de Saturno tinha criado, contudo ele decidiu acrescentar um pouco de Kryptonita. Foi este novo antidoto que permitiu a Mon-El sair da Zona Fantasma para sempre. Mon-El passou a ser um membro efetivo da Legião dos Super-Heróis, tendo sido o responsável pela descoberta do Elemento 125, a matéria-prima para a criação dos icônicos anéis da Legião.

Mon-El fez parte das Tropas dos Lanternas Verdes

mon-el-lanterna-verde

Durante os anos Mon-El apareceu em mais de 600 quadrinhos, sendo que foi alvo de muitas mudanças, tendo chegado mesmo a usar diferentes codinomes e diferentes uniformes.

Mas, provavelmente, a maior mudança que aconteceu em toda a história do personagem foi durante a sua incursão na Tropa dos Lanternas Verdes. Dyogene convidou Mon-El a se juntar aos Lanternas, o membro da Legião dos Super-Heróis aceitou e adquiriu novos poderes e novas responsabilidades.

No entanto ele nunca esqueceu a sua origem, chegando a afirmar que apesar de ser um Lanterna Verde ele nunca se esqueceria da Legião, dos seus amigos e principalmente do planeta Terra. 

Os seus poderes não ficam atrás dos do Superman

mon-el-poderes

Originalmente os Daxamitas eram Kryptonianos que abandonaram Krypton com o intuito de descobrir novos mundos. Contudo depois do Erradicador ter alterado as suas matrizes de nascimento, eles desenvolveram resistência à Kryptonita mas fraqueza ao chumbo. Assim como os Kyptonianos, os Daxamitas têm os mesmos poderes sempre que se encontrem perto de um Sol amarelo.

A lista de poderes de Mon-El é impressionante e quase interminável. Ele é capaz de absorver energia, correr a super-velocidade, usar super-força, voar, lançar raios de calor dos olhos, soprar ar gelado... Basicamente ele tem todos os super-poderes que o Superman também tem.

As fraquezas também são semelhantes ao do Homem de Aço. Mon-El não consegue resistir a magia e à energia lançada por um Sol vermelho. No entanto, seu ponto fraco é mesmo o chumbo, que em grandes doses pode ser letal para qualquer Daxamita.

E você, o que acha de Mon-El? Concorda que ele é quase tão poderoso como o Superman? Deixe a sua opinião nos comentários!