Descubra os easter eggs e referências de Guardiões da Galáxia Vol. 2

Guardiões da Galáxia Vol. 2 chegou detonando com os cinemas de todo o mundo. Se você é um grande fã que adora descobrir todos os detalhes, então não pode perder nossa lista dos melhores easter eggs e referências do filme!

Esta matéria será atualizada com novos easter eggs e referências à medida que forem sendo descobertos. E claro: cuidado com os spoilers!

1. Howard, o Pato

Howard, o Pato

James Gunn adora colocar Howard, o Pato nos filmes dos Guardiões. Em Vol. 2 ele aparece por breves segundos em um local onde os Saqueadores se divertem com mulheres e álcool. Dentro do seu elemento natural, Howard está paquerando uma garota que quer conquistar.

2. Yondu com sua crista original

Yondu

Adorou ver Yondu com sua grande crista vermelha? Não foi só Tempestade que teve uma crista icônica nos quadrinhos da Marvel. O Yondu original pertenceu à primeira equipe dos Guardiões da Galáxia nas HQs e ele tinha uma crista vermelha marcante.

3. O Guardião da Galáxia que já o era antes de todos

Yondu

Quase no final do filme, Yondu escolhe se sacrificar para salvar a vida de Peter Quill. Essa ação nobre do pirata é reconhecida por Groot e Rocket de uma forma bem especial: eles acolhem Yondu na equipe.

O momento é particularmente emocionante por si só, mas inclui uma referência forte aos quadrinhos. Os primeiros Guardiões da Galáxia surgiram em 1969 e Yondu era um dos 4 membros fundadores do time. No cinema, a sua importância é finalmente reconhecida e ele ganha o merecido lugar (que já tinha antes de todos os outros).

4. Stakar Ogord reunindo sua equipe na cena pós-créditos

Stakar Ogord

A história de Stakar Ogord foi alterada para o cinema, com o super-herói dos quadrinhos se transformando no líder dos Saqueadores. Conhecido nas HQs como Águia Estelar (Starhawk, no original), Stakar vê a morte de Yondu como um momento de reunir todas as fações dos Saqueadores.

É em uma das melhores cenas pós-créditos que assistimos a essa reunião que introduz novos personagens no UCM: Charlie-27, Aleta Ogord, Martinex, Krugarr e Mainframe. E quem são eles nos quadrinhos?

  • Charlie-27 e Martinex foram membros fundadores dos Guardiões da Galáxia originais.
     
  • Aleta Ogord é irmã de Stakar e a outra metade da entidade Águia Estelar.
     
  • Krugarr foi aprendiz das artes mágicas com Doutor Estranho e se tornou até Mago Supremo na mesma época do primeiro time dos Guardiões (século 31 do universo Terra-691)
     
  • Mainframe é o Visão da Terra-691 que em nada tem a ver com o super-herói sintezóide. Esta versão alternativa do Visão é um sistema operativo que governa todo um planeta.

5. Grão-mestre dançando durante os créditos

Grão-Mestre

Esse é um dos melhores easter eggs plantados no filme. Com os créditos rolando, vários personagens de Vol. 2 aparecem dançando mas um entre eles se destaca: o Grão-Mestre interpretado por Jeff Goldblum.

Um dos personagens mais aguardados de Thor: Ragnarok, o Grão-Mestre surge assim muito sutilmente entre os Guardiões. Isto é claramente uma piscadela ao próximo filme dos deuses nórdicos mas pode ter um significado muito maior.

O Grão-Mestre é um dos Anciões do Universo, ao qual também pertence o Colecionador – personagem com grande destaque no primeiro filme dos Guardiões. Com Vol. 2 terminando com a morte de Ego, isso terá certamente repercussões para toda a galáxia.

Nos quadrinhos, Ego pertenceu ao grupo dos Anciões do Universo e embora isso não seja abordado no filme, fica difícil acreditar que o Grão-Mestre teria aparecido apenas para fazer uma ligação cômica entre Vol. 2 e Ragnarok. É provável que a morte de um Celestial e Ancião seja mais uma peça chave na construção de Vingadores: Guerra Infinita.

6. O cachorro Cosmo

Cosmo e James Gunn

É também durante os créditos que assistimos a uma imagem de Cosmo, o cachorro intergaláctico. No Guardiões da Galáxia original, existe uma cena entre Cosmo e o Colecionador, mas em Vol. 2 ele apenas é referido visualmente.

Cosmo é o chefe de segurança da estação espacial que serve de base de operações para os Guardiões. Não se deixe enganar: ele é realmente superpoderoso e possui uma inteligência avançada.

7. Peter conhece Eternidade

Eternidade

Quando Ego revela a sua verdadeira natureza a Peter, ele transmite para o filho todo o seu conhecimento adquirido ao longo da sua existência. Com apenas um toque de Ego na testa de Peter, vemos os olhos do Senhor das Estrelas refletirem toda a imensidão do universo.

Com esta compreensão, Peter só consegue proferir uma palavra: Eternidade. Pode ser apenas uma forma de demonstrar tudo aquilo de inexplicável que o herói está a conhecer; mas também pode indicar o contato de Peter com uma das entidades mais poderosas da Marvel.

Eternidade é um ser onipotente que nasceu quando o universo surgiu, assumindo a consciência coletiva de todos os seres vivos. Ele é a encarnação física do tempo, com o poder de controlar todos os planos de existência (com excepção do Tribunal Vivo) e estando ligado a todos os seres vivos.

Essa descrição vai diretamente ao encontro daquilo que vemos nos desejos de Ego. O pai de Peter é uma entidade superpoderosa que vive obcecado com a ideia de se multiplicar por todos os seres vivos, combatendo assim o tédio da sua existência (aparentemente) eterna.

Com o sussurrar da palavra “Eternidade”, Peter Quill poderia estar efetivamente se ligando à entidade ultrapoderosa da Marvel.

8. Se transforme em Pac-Man para vencer seu pai

Pac-Man

Quando Peter Quill tem a chance de criar qualquer forma para lutar contra Ego, o que é que ele imagina? Pac-Man, claro! O Senhor das Estrelas pode nunca mais ter retornado à Terra mas seu coração de criança terráquea continua batendo forte.

9. Yondu, a Mary Poppins da Marvel

Mary Poppins

Em uma cena muito hilária, Yondu desce gentilmente no meio da batalha contra Ego de uma forma que faz Peter dizer que ele parece Mary Poppins. E sem dúvida que a referência visual está realmente no ponto.

10. Stan Lee e os Vigias

Vigias

O cameo de Stan Lee é dividido em duas partes, com a primeira a meio do filme e a segunda como cena pós-créditos. Nessa cena brilhante vemos Stan Lee contando suas experiências e observações aos Vigias, uma raça dedicada a observar tudo o que se passa no Universo.

Assistimos ao visionário da Casa das Ideias relembrar como foi um carteiro, referindo assim o seu cameo em Capitão América: Guerra Civil. Mas o que realmente é importante é o fato de ser confirmada uma velha teoria dos fãs: Stan Lee é o mesmo homem em todos os filmes do UCM. Sempre variando a sua identidade, ele assume diferentes personagens de acordo com o filme.

E o motivo para isso? Aparentemente ele é um informador dos Vigias. Ele não é um deles porque não se veste como eles e eles se cansam das suas histórias, deixando Stan falando sozinho. Com essa cena, estes seres poderosos são agora oficialmente parte do canône cinematográfico da Marvel.

Achou mais easter eggs e referências em Guardiões da Galáxia Vol. 2? Compartilhe conosco nos comentários e nós atualizamos a lista!