Glossário do Oscar | Entenda o que significa cada categoria da premiação

Hoje a noite, cinéfilos do mundo inteiro param para a acompanhar a mais importante premiação do cinema mundial.

Apesar de acontecer todos os anos e pautar as discussões entre os amantes da Sétima Arte por meses, muita gente ainda não conhece todas as 24 categorias do Oscar. Pensando nisso, o Aficionados preparou um glossário para te deixar por dentro de tudo o que vai rolar!

Categorias

The Oscars

O Oscar é bastante conhecido pelas suas categorias principais: Melhor Filme, Melhor Ator/Atriz Principal, Melhor Ator/Atriz Coadjuvante, Melhor Direção, Melhor Roteiro Original e Melhor Roteiro Adaptado.

No entanto, a Academia também premia as melhores produções em quesitos técnicos: Fotografia, Figurino, Edição, Maquiagem e Penteado, Trilha Sonora Original, Canção Original, Design de Produção, Edição de Som, Mixagem de Som e Efeitos Visuais.

Finalmente, mas não menos importante, temos também os prêmios para produções em outros formatos ou de outros países, como documentários e curtas-metragem. São as categorias de Melhor Filme de Animação, Melhor Curta Animado,  Melhor Documentário Longa-metragem, Melhor Documentário Curta-Metragem, Melhor Curta Live Action e Melhor Filme Estrangeiro.

Melhor Filme

shape of water

A mais esperada das categorias, Melhor Filme premia as produções pelo seu aspecto geral. Na maioria das vezes, o vencedor costuma ter ganho também em algumas categorias técnicas e ter no elenco indicados a Melhor Ator ou Atriz.

Uma curiosidade sobre esse prêmio: quem recebe a estatueta de Melhor Filme é o produtor do filme e não o diretor.

Vencedores recentes nesta categoria: A Forma da ÁguaMoonlightSpotlightBirdman 12 Anos de Escravidão.

Melhor Ator/Atriz Principal

Categoria que premia a melhor atuação do ator ou da atriz que sejam protagonistas do filme. Apesar de parecer bastante óbvio, nem sempre é simples definir quem é o protagonista de uma história.

Por exemplo: neste ano, o longa A Favorita inscreveu a atriz Olivia Colman, que interpreta a Rainha Anne, para concorrer nesta categoria. No entanto, críticos apontam que a personagem que move a história de fato é Abigail, interpretada por Emma Stone.

Melhor Atriz/Ator Coadjuvante

Coringa heath

Essa categoria é parecida com a anterior, mas foca-se em atores e atrizes que estão em papéis de apoio nos filmes. Não é raro atuações de coadjuvantes roubarem a cena e, muitas vezes, serem mais memoráveis até que o trabalho do protagonista.

Um exemplo recente que está bem fresco na memória de todo fã de super-heróis é a atuação de Heath Ledger como o Coringa, em Batman - O Cavaleiro das Trevas

Melhor Direção

Esta categoria reconhece o trabalho do diretor. Não é raro que as produções premiadas como Melhor Filme tenham seus diretores premiados, apesar de isso não ser uma obrigação.

Um caso recente em que um longa foi premiado como Melhor Filme mas não por Melhor Direção foi em 12 Anos de Escravidão. Nessa edição, Alfonso Cuarón recebeu a estatueta de Melhor Direção por Gravidade.

Melhor Roteiro Original

Um bom roteiro é uma das partes mais importantes para o sucesso ou fracasso de um filme. É no roteiro que estão descritas todas as falas, reviravoltas e pontos dramáticos de uma produção. 

Alguns vencedores recentes nesta categoria são: Corra!, Manchester à Beira MarSpotlightBirdman e Her.

Melhor Roteiro Adaptado

Lord of the rings

Bastante parecida com a categoria anterior, a diferença é que aqui se premiam roteiros que adaptam obras de outras mídias para o cinema. 

Um bom exemplo é Senhor dos Aneis: O Retorno do Rei, que foi premiado nessa categoria por adaptar o clássico de J.R.R. Tolkien.

Fotografia

Também traduzida como "cinematografia", essa categoria premia o minucioso trabalho de composição visual das cenas, que envolve a escolha das lentes das câmeras a serem usadas, a iluminação do cenário e os ângulos em que as filmagens serão feitas. 

Em 2004, o filme brasileiro Cidade de Deus foi indicado a essa categoria, mas acabou perdendo para Mestre dos Mares: O Lado Mais Distante do Mundo.

Figurino

O figurino é um dos elementos mais importantes para se contar uma história. O que seria de um filme de época, por exemplo, sem a escolha correta das roupas que eram usadas no período?

Além do design das peças, esse trabalho exige pesquisas históricas e culturais para tornar crível o visual do filme. Nesta edição, Pantera Negra está entre os indicados, valorizando todo o trabalho que resultou no emblemático figurino usado no longa.

Edição (ou Montagem)

Saving

Essa categoria premia a maneira como as cenas são colocadas em sequência. Parece simples, né? Mas não é bem assim: uma montagem mal feita pode comprometer o andamento de um filme, que pode se tornar muito arrastado ou confuso. 

Um bom exemplo de montagem está no filme O Resgate do Soldado Ryan, vencedor dessa categoria em 1999. Apesar de retratar cenas de combate complexas e com muitos pontos de ação, as cenas ficam claras e o espectador consegue entender tudo o que está acontecendo na batalha.

Maquiagem e Penteado

Os efeitos especiais avançaram muito rápido com o passar dos anos, possibilitando transformações incríveis de atores e cenários. No entanto, o realismo causado por uma boa maquiagem e penteados é capaz de tornar ainda mais real o que vemos nas telonas. 

Quem não se lembra do trabalho impecável em Mad Max: Estrada da Fúria, que transformou Charlize Theron na implacável Furiosa?

Trilha Sonora Original

Uma Trilha Sonora Original é capaz de mudar todo o espírito de um filme. O que seria de Star Wars sem seus temas épicos, compostos por John Williams? 

Há alguma confusão em relação à Canção Original. A diferença é que a trilha sonora costuma ser apenas instrumental, geralmente tocada por uma orquestra, e estar presente durante momentos variados do filme, usada para causar tensão ou relaxamento na audiência. 

Canção Original

A Canção Original é aquela que é composta exclusivamente para o filme, em geral usada para traduzir o espírito da produção em uma composição musical.

As boa canções originais tornam-se emblemáticas. Quem não se emociona ao ouvir canções clássicas da Disney e da Pixar, como You got a friend in me, de Toy Story, e Remember Me, de Viva - A vida é uma festa?

Design de Produção (ou Direção de Arte)

Aqui, outra peça chave para uma boa ambientação de um filme entra em ação: o trabalho do diretor de arte. É a equipe de design de produção que vai pensar em tudo para tornar os espaços e objetos que aparecem em cena mais reais. 

Um bom exemplo é Alice no país das Maravilhas. O filme foi premiado nesta categoria em 2011 após conseguir criar um mundo fantástico e, ao mesmo tempo, realista. Essa é uma das categorias em que Pantera Negra está concorrendo neste ano.

Edição de Som

thor trovão

Esta é uma das categorias que mais causa confusão. É porque também existe a Mixagem de Som, que diz respeito a outra função. Vamos explicar: Edição de Som diz respeito às escolhas dos efeitos sonoros que serão usados no filme. Pense no Thor, por exemplo: quando ele dispara um raio de seu martelo, o editor de som precisa criar (ou escolher de um banco de dados) o som que combine melhor com a cena.

No Oscar de 2018, Dunkirk levou o Oscar nesta categoria por deixar bastante realista a escolha dos sons, tornando o filme ainda mais imersivo.

Mixagem de Som

Apesar de ser parecida com a Edição, a Mixagem diz respeito a equalização e harmonização de todos os sons do filme, deixando tudo equilibrado e natural.

Por exemplo: em O Resgate do Soldado Ryan, é o trabalho da mixagem de som que garante que consigamos escutar os personagens conversarem mesmo com as bombas explodindo por todo lado nas cenas.

Melhores Efeitos Visuais

empire strikes back

Muita gente pensa automaticamente em computação gráfica quando ouve falar em Efeitos Visuais. Mas não é só isso! São avaliados nesta categoria também os efeitos práticos, como maquetes, animatronics e até o posicionamento da câmera.

É impossível não citar Star Wars aqui. A franquia revolucionou os efeitos visuais lá em 1978, com Uma Nova Esperança e, desde então, costuma estar entre os favoritos nesta categoria em todas as edições do Oscar.

Melhor Filme de Animação

As animações fazem parte do cinema há muito tempo. No entanto, os longa-metragens animados foram reconhecidos como uma categoria do Oscar apenas em 2002. Antes disso, disputavam com os filmes live-action e, apesar de nunca terem ganhado, receberam estatuetas honorárias.

O primeiro longa de animação a ganhar um Oscar disputando esta categoria foi Shrek.

Melhor Curta Animado

Ao contrário da categoria anterior, os curta-metragens de animação têm uma categoria específica desde 1932, quando eram chamados de "cartoons". A duração de um curta, de acordo com os regulamentos do Oscar, tem de ser de até 40 minutos (contando com os créditos).

Em 2013, a Walt Disney Animation Studios faturou uma estatueta por Paperman, uma romance em branco e preto bem sensível e divertido.

Melhor documentário em longa-metragem

A categoria dos documentários existe desde a 15º edição do Oscar. As histórias contadas devem ser de não-ficção, isto é, precisam ser reais. 

Em 2015, o documentário O Sal da Terra, sobre a obra do fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, foi indicada à essa categoria, mas acabou perdendo para Citzenfour.

Melhor documentário em curta-metragem

White Helmets

Bem parecida com a anterior. A diferença é que os filmes precisam respeitar o limite de 40 minutos (contando com os créditos) para se enquadrarem nessa categoria. 

Em 2016, o polêmico White Helmets (Capacetes Brancos), que retratava o trabalho de voluntários sírios que resgatavam pessoas vítimas da guerra, ganhou o Oscar. O filme é acusado de forjar cenas de resgate, além de retratar grupos extremistas em ação.

Melhor curta-metragem live-action

Essa categoria é semelhante a de melhor filme, com a diferença do limite de tempo. Os filmes aqui podem ser fictícios, com roteiros originais ou adaptações de obras literárias.

Em 2001, o curta Uma História de Futebol representou o Brasil no Oscar. O filme mostrava passagens da infância de Pelé, narradas por um amigo do Rei do Futebol. O vencedor, no entanto, foi Quiero Ser.

Melhor Filme Estrangeiro

Central do Brasil

Por último, mas não menos importante, os Filmes Estrangeiros. Como o Oscar é uma premiação norte-americana, nesta categoria entram todos os filmes que não são produzidos nos Estados Unidos. Alguns filmes como A Vida é Bela e Roma já concorreram tanto como Melhor Filme quanto como Melhor Filme Estrangeiro.

O Brasil já foi indicado 4 vezes ao prêmio, com O Pagador de PromessasO QuatrilhoO Que é isso, Companheiro? e Central do Brasil

Agora você já sabe um pouquinho sobre cada uma das categorias do Oscar. E aí? Quais são suas apostas para este ano?