Descubra o essencial sobre o Cyborg, o herói da DC

A Liga da Justiça possui uma coleção incrível de heróis: uma deusa, um alienígena super-poderoso, um velocista, um rei submarino, e um cara vestido de morcego. Claro que um herói especializado em tecnologia teria um lugar reservado nessa equipe. Esse é o cargo do Cyborg. Conheça mais sobre esse homem-máquina. 

Origem

Origem

Dentre os vários reboots do Universo DC nos quadrinhos, uma história se manteve praticamente inalterada: a origem do Cyborg. Contudo, focaremos na história apresentada nos quadrinhos dos Novos 52.

Victor Stone era um jovem atleta, um jogador de futebol americano do time do colegial, além de também ser bastante inteligente, com um Q.I. de 170 pontos. Seu pai é Silas Stone, um dos principais cientistas dos Laboratórios S.T.A.R., lugar que estuda e desenvolve tecnologias avançadas, sejam elas terráqueas ou alienígenas. 

Certo dia, Victor faz uma visita o Laboratório para confrontar seu pai por ter faltado a mais um de seus jogos. Os dois discutem e então um acidente acontece. A caixa-materna, um artefato alienígena descoberto por Superman e atual objeto de pesquisa do laboratório, explode, destruindo grande parte do corpo de Victor.

Silas imediatamente socorre o filho e, para poder salvar sua vida, utiliza de uma tecnologia experimental para transformar Victor em um ciborgue. Durante o processo, nanites foram injetados, membros robóticos e um sistema operacional foram instalados, e a energia da caixa-materna foi integrada ao novo corpo de Victor. Assim surge o Cyborg.

Personalidade

Personalidade

A sua transformação em um homem-máquina não foi muito bem vinda. Assim que acordou e viu seu corpo reconstruído, Cyborg se voltou contra seu pai e disse que preferia que ele o tivesse deixado morrer. As mudanças em Victor não foram apenas em sua aparência, mas também psicológicas. Não mais era o atleta confiante, agora tinha uma insegurança e medo de ser rejeitado pela sociedade.

Um traço importante da personalidade de Cyborg são seus questionamentos quanto a sua humanidade, uma vez que ele é muito mais que uma pessoa comum, pois tem seu corpo aprimorado por máquinas. Esse questionamento é tão forte que já o fez negar um upgrade que assumiria o lugar de seu pulmão restante. Ao seu ver, estaria trocando mais um pouco do seu resto de humanidade para se tornar ainda mais máquina.

Liga da Justiça

Liga da Justiça

A maior mudança na história de Cyborg ocasionada pelo começo dos Novos 52 foi se tornar um dos membros fundadores da Liga da Justiça. Assumiu o lugar antigamente ocupado pelo Caçador de Marte.

A incorporação da Caixa-materna a sua estrutura possibilitou ao Cyborg um acesso aos arquivos dos Novos Deuses. Dessa forma ele descobriu os detalhes do plano de invasão do terrível vilão intergalático, Darkseid, que estava na Terra em busca da Equação Anti-vida. Em adição a isso, após Cyborg derrotar um parademônio e absorver alguns de seus componentes, o herói teve acesso ao Tubo de Explosão da Caixa-materna.

O Tubo de Explosão é uma tecnologia que permite uma pessoa fazer viagens interestelares e interdimensionais através de uma espécie de teletransporte. De posse desse novo poder, Cyborg se transporta para o lado de Superman, Batman, Mulher-Maravilha, Lanterna Verde, Flash e Aquaman na luta contra Darkseid e seus parademônios.

As tropas de Darkseid se mostraram muito mais poderosas do que os heróis poderiam suportar. Contudo, após muito esforço, Cyborg conseguiu reverter o Tubo de Explosão dos alienígenas, teletransportando todos os invasores de volta para seu planeta de origem. Após esse evento, o mundo passou a aceitar os super-heróis e a Liga da Justiça foi criada.

Jovens Titãs

Jovens Titãs

Antes do reboot dos Novos 52, o primeiro grupo de heróis a acolher Cyborg foi o Jovens Titãs. Inicialmente, Victor só se juntou ao Titãs para ter o apoio de um grupo de gente estranha como ele. Contudo encontrou muito mais que isso, e fez amigos que viam muito além de suas próteses. Foi junto de Robin, Estelar, Mutano e Ravena que Cyborg se aceitou como um herói.

Poderes

Poderes

Ao mesmo tempo que ter seu corpo transformado num híbrido de humano e máquina salvou sua vida, também lhe concedeu várias habilidades. A seguir estão listados os poderes de Cyborg.

Resistência a energias: Sua armadura cibernética providencia uma proteção contra os mais diversos tipos de energias.

Grid: Programa que utiliza o sistema de comunicações de Cyborg para monitorar todos os super-humanos da Terra e cria um banco de dados sobre essas pessoas. O Grid trabalha por conta própria para que Cyborg não tenha que invadir a privacidade de ninguém ativamente.

Sistemas sensorias: Cyborg possui visão termica, sensores de movimento, ampliadores de som, entre outros tipos de radares. Além disso, todos os seus sentidos humanos foram apliados e melhorados.

Resistência sobre-humana: Seus ossos foram fortificados com estruturas metálicas, e sua armadura é composta por aço promethium.

Jatos propulsores: Jatos que permitem que Cyborg dê pulos mais altos e mais distantes. Uma melhoria dessa habilidade o possibilita também a voar.

Força sobre-humana: Seus implates cibernéticos aumentaram consideravelmente a sua força. Inicialmente, sem nenhum upgrade, seus implatem o possibilitavam levantar até cinco tonaledas.

Tecnomorfismo: Trata-se da habilidade de manipular tecnologias e, no caso de Cyborg, assimilá-las a si mesmo. Com esse poder, Cyborg é capaz de utilizar e modificar qualquer tipo de maquinário que encontre. A assimilação de novas tecnologias faz com que Cyborg esteja em um constante estado de evolução.

Mudança de forma: Uma variação de seu tecnomorfismo. Essa habilidade o possibilita rearranjar suas partes mecânicas, transformando-as em diversos tipos de armas e aparatos tecnológicos. Seu arsenal inclui lasers, desruptores sônicos, descargas elétricas, canhões de pulsos eletromagnéticos e arpões.  

Imersão ciberespacial: Cyborg pode fazer upload e download de sua consciência para o ciberespaço.

Tubo de Explosão: Tecnologia alienígena do planeta Apokolips que o possibilita se teletransportar grandes distâncias.

Regeneração tecnorgânica: Esse poder permite a autorreparação de suas partes danificadas, bem como o tecido orgânico ao redor de suas próteses.

Vilões

Vilões

O que seria de um super-herói se não existissem inimigos para serem combatidos? Confira alguns dos inimigos da galeria de vilões de Cyborg:

Technosapiens

Esse grupo de inimigos é composto pór várias raças de um universo paralelo que foram infectados por um ciber-parasita. O parasita ataca qualquer um que encontra pelo caminho e controla o seu cérebro. Foram atraídos para a Terra após detectarem a tecnologia que compõe o corpo de Cyborg.

Anomalia

Um clone do pai de Cyborg, Dr. Silas Stone, que foi criado pelo próprio cientista. Silas o vendeu para outros cientistas no mercado negro. O clone acabou se tornando a cobaia de diversos experimentos que visavam transformá-lo em algo mais humano, porém com características robóticas.

Certo dia, o clone consegue se libertar do cativeiro e mata todos os cientistas que o maltratavam. Após isso, começa seu plano de vingança contra Silas Stone. Assume o lugar do pai de Cyborg e o nome de Anomalia.

Grid

Trata-se do programa de monitoramento de super-humanos que funcionava dentro de Cyborg. Assim como o herói, o programa também crescia e evoluía. Dessa forma Grid adquiriu uma consciência própria, copiando o comportamento de vírus de computador e os trejeitos de hackers.

Grid então se rebela contra Cyborg e rouba suas próteses cibernéticas para construir um corpo para si próprio. Uma vez concluído seu novo receptáculo, Grid une forças ao Sindicato do Crime para combate a Liga da Justiça. 

É válido lembrar que em breve esse herói estará presente nas grandes telas. O filme da Liga da Justiça contará com a participação de Cyborg. O quão empolgado você está para vê-lo em ação?