Ser Corvinal é ser único: 7 razões para adorar essa Casa de Hogwarts

O sábio Chapéu Seletor cantou da melhor forma a grandeza de Corvinal: “A casa dos que têm a mente sempre alerta / onde os homens de grande espírito e saber / sempre encontrarão companheiros seus iguais.”

Descubra agora o que faz a Casa Corvinal se destacar entre as restantes Casas de Hogwarts!

1. Características que se destacam nos Corvinais

Corvinal

Os membros da Casa Corvinal são conhecidos mundialmente por sua inteligência. Mas não estamos falando somente da aprendizagem acadêmica; o aluno de Corvinal valoriza o saber acima de todas as coisas e a busca por uma maior sabedoria é algo que os define.

Um traço bem típico dessa Casa é a sua excentricidade que faz dos Corvinais pessoas muito criativas e independentes. Embora seja uma Casa geralmente atribuída a alunos mais orientados para lógica e raciocínio, o fator de excentricidade origina um lugar perfeito tanto para artistas e escritores. Em Corvinal, eles têm espaço para desenvolverem seus talentos e refinarem sua visão particular do mundo.

2. Você nunca se aborrece com um Corvinal

Luna Lovegood

Corvinais são mestres na arte de conversar e seu humor é espirituoso, recheado de comentários atentos sobre o mundo que os rodeia. Estar junto de um aluno dessa Casa é ter a certeza que você nunca se vai aborrecer – ele jamais deixaria isso acontecer.

Quando um Corvinal compartilha consigo uma observação perspicaz, ele te fará enxergar o mundo de um jeito que você nunca iria imaginar antes. Pequenos detalhes podem passar despercebidos para muitos mas isso é impossível para um Corvinal, já que para eles pormenores são tudo.

3. Mas os Corvinais costumam ser vistos como “diferentões”

Luna Lovegood

É o preço a pagar por se ser alternativo à norma, não é mesmo? Um Corvinal não faz para chamar a atenção para si mesmo só porque não faz as coisas dentro da norma. Mas para quem não entende (ou não quer entender), fica mais fácil chamar o Corvinal de “diferentão”.

Enquanto os outros criticam, o Corvinal está feliz da vida lendo todos aqueles livros que chegaram ontem – e, ultraje!, ele ainda não leu.

4. Tolerância é a palavra de ordem

Corvinal sala comum

Quer alguém que te aceite do jeito que você é? Seja amigo de um Corvinal. Sendo a Casa daqueles “que não encaixam”, é também a Casa de Hogwarts que aceita abertamente quem é diferente.

A mente aberta dos Corvinais acolhe aqueles que seriam olhados de lado por outras Casas. Ter ideias fora da caixa ou ser considerado estranho pelos outros são até motivos para fazer parte de Corvinal.

A esta abertura e tolerância muito se deve a sua curiosidade intelectual sobre tudo aquilo que faz o mundo ser como é. Assim, é normal para eles quererem entender a sua estranha forma de ser – e aprender com ela.

5. Corvinal é a Casa de várias personalidades fascinantes

Corvinais

Começamos logo com Luna Lovegood, uma das personagens mais amadas dos livros de Harry Potter. Luna é o exemplo perfeito de alguém que segue as suas próprias regras e enxerga diariamente o mundo com uma visão especial.

O Professor Flitwick é o mestre dos Feitiços, sendo um dos professores mais respeitados de Hogwarts e Diretor da Casa Corvinal. Ollivander é outro nome de referência, o bruxo que faz as varinhas para todos os magos da Grã-Bretanha.

Cho Chang, a garota que muitos detestam por ter sido namorada de Harry Potter, é uma brilhante Corvinal. Sibila Trelawney, a inesquecível professora de Adivinhação, conhecida por duas importantes profecias ligadas a Harry Potter.

E como esquecer Rowena Ravenclaw, a fundadora de Corvinal? Sua vida trágica é uma das mais emblemáticas da história da comunidade bruxa.

6. A voz de um Corvinal dificilmente será calada

Professor Flitwick

Com individualidade e excentricidade, geralmente vem a capacidade de dizer exatamente as coisas como pensam. Se um Corvinal estudou um assunto e sabe do que está falando, para ele é óbvio que tem de falar sobre a matéria quando a oportunidade surge.

Existem muitos que gostariam de ver os Corvinais calados mas sua busca pela verdade faz deles das pessoas mais francas que você pode encontrar.

7. Suscetíveis a momentos de “Párou tudo! Tenho de escrever isso!”

Harry Potter

Um Corvinal é uma pessoa com ideias em constante movimento, sua cabeça é um mundo sem fundo onde pensamentos giram incessantemente. Mas se há algo que faz parar tudo, é aquele momento “eureka!”, o momento em que eles finalmente entendem algo ou têm uma ideia brilhante.

Aí, eles saem correndo para buscar um papel e caneta e escrever sobre o que pensaram. De que serve o conhecimento se ele não for guardado?