Bird Box: O filme, as críticas e as comparações com Um Lugar Silencioso

Um mundo pós-apocalíptico, no qual criaturas misteriosas e mortais fazem com que os humanos vejam seus maiores medos sempre que estão ao ar livre, o que gera caos e uma onda de suicídios. Para sobreviver, é preciso vendar os olhos e resistir ao medo.

Com essa premissa, o filme original Netflix Bird Box, que chega na versão brasileira do streaming com o título Às Cegas, foi lançado no último dia 21.

Desde então, o longa tem dado o que falar, seja com comentários positivos, seja com críticas medianas, ou ainda com a constante comparação com o filme Um Lugar Silencioso.

O filme e as críticas

Sandra Bullock, Trevante Rhodes, John Malkovich, Rosa Salazar, Jacki Weaver, Sarah Paulson, Lil Rel Howrey, Tom Hollander e Colson Baker compõem o elenco de peso de Bird Box.

Bullock, ganhadora do Oscar e protagonista do filme, vive Mallory, uma mulher que sobreviveu ao apocalipse e se vê com duas crianças, tentando sobreviver e mantê-las vivas, enquanto uma ameaça os impede de usar a visão.

Com roteiro de Eric Heisserer, indicado ao Oscar por A Chegada, o filme dividiu as críticas, em geral apontando qualidades e defeitos do longa. Confira algumas abaixo.

Entertainment Weekly

"Enquanto o tempo dá saltos entre a ação claustrofóbica da casa e um tipo desesperado de fuga de presos, a diretora Susanne Bier (The Night Manager) mantém o clima tenso e desafiador no momento."

Hidustan Times

"Eric Heisserer dá uma estrutura única ao filme e, como é muito claro nessa abertura, também encontra maneiras inteligentes de comunicar uma exposição vital sobre as origens do apocalipse. Não é o thriller pós-apocalíptico que você talvez esperasse que fosse, mas um drama de sobrevivência e até mesmo um mistério na sala fechada. Mas este é o filme de Bullock. [...] Ela é uma das raras atrizes que podem alternar - em muitas ocasiões no meio da cena - da intensidade feroz ao carinho reconfortante. [...] Seu terceiro ato é muito grandioso em seus temas, e uma mudança inesperada de ritmo da história bastante enxuta que vimos até agora. Mas quando se eleva, sobe."

The Guardian

"Apesar de alguns momentos tensos, esse choque apocalíptico é um desperdício desapontadoramente desajeitado de um elenco cheio de estrelas. [...] Esses personagens ficam tão cheios e subscritos que quase nada somam. Quando nos encontramos com eles, a câmera balança por aí como se estivesse apenas tentando contar que todo mundo está na sala. Em questão de minutos, os estranhos resolvem o conceito básico do que está matando o planeta."

The Wrap

"A performance de Bullock é brilhante - ela toma todos esses medos internalizados e cria um personagem que já se desconectou da emoção. Ao longo dos filmes, ela desafia o que 'maternal' significa em circunstâncias como essas."

Rolling Stone

"A trilha sonora, hipnótica e suada com as mãos de Trent Reznor e Atticus Ross promete muito mais do que o filme entrega. A propósito, os pássaros na caixa são destinados a disparar alarmes quando os monstros se aproximam. Eles vêem muito mais do que nós, o que é parte do problema. Por que as aves ficam com toda a diversão?"

The Hollywood Reporter

"Este é um aspirante a chocante, com uma premissa inteligente que realmente não funciona e nem trai os instintos básicos de um cineasta de terror nato."

Vox

"É divertido o suficiente para valer a pena assistir para os fãs do gênero ou de Bullock, que se transforma em um forte desempenho como uma mulher que tem a maternidade empurrada para ela em um mundo carregado de perigo."

As comparações

bird box a quiet place

Um mundo pós-apocalíptico no qual, para sobreviver, é necessário renunciar a um de seus sentidos básicos. Parece familiar? Com o sucesso recente de Um Lugar Silencioso, foi difícil não haver comparações entre os dois filmes, o que aconteceu entre críticos e audiências.

Em Um Lugar Silencioso, de John Krasinski, uma família tenta sobreviver a criaturas misteriosas guiadas por barulhos. Portanto, todos deixam de falar e passam a se comunicar por linguagem de sinais. Um thriller quase completamente em silêncio, com crianças correndo perigo, cenas de tirar o fôlego, entre outros elementos, foi uma receita de sucesso para o longa.

Em meio às comparações, o roteirista Eric Heisserer esclareceu que, apesar das semelhanças, Bird Box é baseado no livro homônimo, escrito e publicado antes de Um Lugar Silencioso.

Já a diretora Susanne Bier, quando questionada pelo Polygon se filmes como Um Lugar Silencioso ajudaram Bird Box a sair do papel, respondeu categoricamente:

“Não, não, não. Nós estávamos gravando quando ouvimos falar de Um Lugar Silencioso e estávamos quase terminando de editar quando ele foi lançado.  Sim, ambos são suspenses pós-apocalípticos, mas o mais relevante é que os dois têm protagonistas mulheres, e são poucos os filmes assim. E mães. Então os dois tendem a ser comparados. Acho que Um Lugar Silencioso é um ótimo filme, mas eles são bem diferentes."

Bird Box está disponível na Netflix.