Saiba o essencial sobre a Supergirl, a garota de Krypton!

Criada pelo roteirista Otto Binder e pelo ilustrador Al Plastino, a Supergirl fez a sua estreia no mundo dos quadrinhos na HQ número 252 da série Action Comics. Desde então a personagem já apareceu em mais de duas mil edições de quadrinhos da DC Comics.

Com o passar dos anos a história da Supergirl foi mudando e a personagem foi sendo modernizada pelos diversos autores que assinaram as HQs desta super-heroína.

Neste artigo nos vamos focar na versão atual da personagem, sem esquecer o passado e algumas das versões alternativas criadas ao longo dos anos.

A origem de Kara Zor-El

supergirlaficionados

Em 1959, quando a Supergirl fez a sua estreia no mundo das HQs, a sua origem foi explicada de uma forma bem simples, tendo algumas semelhanças com a do seu primo Kal-El.

A Supergirl era natural do planeta Krypton, quando o planeta explodiu ela era apenas uma adolescente, que ficava muitas vezes cuidando do seu primo mais novo Kal-El (Superman).

Foi então que os seus pais a enviaram para o planeta Terra, numa cápsula diferente da do seu primo. Kara tinha como principal objetivo cuidar de Kal-El até que ele fosse mais velho, assim que os dois chegassem ao seu destino. Devido a um erro de trajetória da sua cápsula, ela chegou muitos anos depois ao planeta Terra.

Curiosamente Kara manteve a mesma idade (efeito de viajar à velocidade da luz), enquanto que Kal-El que já tinha chegado ao planeta Terra, era já um adulto. Os papéis acabaram por se inverter e o Superman ficou responsável por cuidar da sua prima Kara Zor-El.

As mudanças na origem 

supergirlaficionados7

Como é natural, com o passar dos anos as editoras sentem a necessidade de refrescar os seus personagens, seja através de uma simples mudança de uniforme, ou até fazendo coisas mais complexas como a mudança de origens.

Foi esse o caso da Supergirl, durante a série de HQs dos Novos-52, a personagem recebeu uma nova origem. Apesar de em traços gerais ela ser bastante parecida com a original, existiram elementos que mudaram profundamente. Kara, passou a ser filha de um cientista chamado Zor-El que foi capaz de prever a destruição do planeta Krypton.

Quando descobriu isso, Zor-El, deixou Kara inconsciente e a colocou numa cápsula que tinha como destino o planeta Terra. Apesar da sua mãe Alura, ter tentado impedir que isso acontecesse, ela não o conseguiu fazer.

A chegada ao planeta Terra

supergirlaficionados3

A cápsula de Kara acabou por cair na Rússia, mais propriamente na Sibéria. Depois de ter passado alguns dias debaixo de neve, ela emergiu do gelo para ser imediatamente encontrada por um grupo de militares russos.

Obviamente que ela não percebia o que os militares estavam falando sendo que Kara acabou por ignorar os seus pedidos de rendição. Os militares acabaram por atacar a Kryptoniana e ela se defendeu utilizando a sua visão de calor (que ela não sabia que possuía).

A meio do confronto, o seu primo Kal-El, mas conhecido como Superman apareceu e retirou Kara daquele local, foi nesse preciso momento que a relação entre os dois começou.

O primeiro encontro com o Superman não foi simples

supergirlaficionados2

Apesar do Superman ter extraído Kara do conflito contra os militares russos, as coisas não correram tão bem como você pode pensar.

O Superman tentou explicar a Kara que ele era o seu primo Kal-El, no entanto ela não acreditou, pois na sua perspectiva o seu primo ainda teria que ser um bebê. A discussão rapidamente se transformou numa violenta batalha, com os dois lutando da Rússia até à China.

Foi nesse momento que Kara utilizou pela primeira vez os seus superpoderes que o sol amarelo da terra lhe concedeu. O combate entre os dois acabou por terminar depois de Kara perceber que poderia estar a colocar em risco várias centenas de vidas humanas.

A criação de uma heroína

supergirlaficionados4

Felizmente, Kal-El foi capaz de mostrar a Kara a cápsula que o trouxe para o planeta Terra, confirmando assim que ele estava contando a verdade desde o início.

Os primeiros tempos de Kara no seu novo planeta foram extremamente confusos, ela se sentia deslocada e sem saber o que fazer com a sua vida. Contudo, ela se sentiu inspirada pelo exemplo do seu primo, que usava os seus poderes para ajudar os habitantes do planeta Terra.

Assim nasceu a Supergirl, que à semelhança do seu primo, utilizava a sua armadura Kryptoniana como traje. De forma a manter a sua identidade secreta, sempre que não estava salvando o mundo, ela respondia pelo nome de Kara Danvers.

Tudo o que o Superman tem!

supergirlaficionados6

A Supergirl é extremamente poderosa, basicamente ela é uma réplica perfeita do Superman tendo todos os superpoderes que o seu primo possui.

Ela consegue voar, tem uma super capacidade regenerativa, super audição, visão de calor, invulnerabilidade, super-força, visão raio-x, super-velocidade entre muitas outras habilidades.

Apesar dos seus incríveis superpoderes, ela também partilha outra coisa em comum com o seu primo Kal-El, estamos falando da sua vulnerabilidade à Kryptonita Verde. Sempre que ela entra em contacto com o mineral as suas habilidades são anuladas e ela se torna muito fraca.

As várias versões de Supergirl

supergirlaficionados5

Existem várias versões da Supergirl, apesar de Kara Danvers ser a mais conhecida, muitas outras mulheres utilizaram esse codinome.

Matrix foi a primeira versão alternativa da Supergirl, ela era uma criação protoplasmática de uma versão heroica de Lex Luthor. A ideia de Lex foi criar uma nova heroína e ele foi bem sucedido, uma vez que ela chegou mesmo a fazer parte dos Jovens Titãs.

A história da segunda versão alternativa de Supergirl se cruzava com a de Matrix, uma vez que depois desta ter tentado salvar Linda Danvers, o corpo das duas acabou por se fundir criando uma nova versão da Supergirl, que também era conhecida por Superwoman.

Mas as coisas ainda ficaram mais confusas com a terceira versão alternativa da Supergirl. Esta versão era um híbrido entre Humano e Kryptoniano criada por Brainiac. Ela se autointitulava de Supergirl, mas os seus objetivos eram malvados. Esta personagem se chamava Cir-El e não foi muito bem recebida pelos fãs, tendo apenas aparecido em cerca de 50 HQs.

Por fim, temos de falar da versão alternativa mais popular da Supergirl - a Poderosa! Basicamente a Poderosa era a Kara Zor-El da Terra-2, se tornando numa das maiores heroínas daquele universo paralelo!