Conheça a lenda de Anansi, o Mr. Nancy de Deuses Americanos

Anansi é um dos velhos deuses que vai fazer parte da história de Shadow Moon e Mr. Wednesday em Deuses Americanos (American Gods). Mais conhecido como Mr. Nancy, esta divindade africana tem tudo para fazer o público cair nas suas teias.

Confira o que precisa saber sobre o personagem e descubra a sua origem nas lendas africanas.

Mr. Nancy em Deuses Americanos

Mr. Nancy

No segundo episódio da série conhecemos um deus interpretado por Orlando Jones. Anansi – que se tornará mais conhecido pelo nome americano de Mr. Nancy – tem o poder da palavra com efeitos devastadores.

Esta cena não existe no livro e o próprio personagem teve mudanças significativas na sua idade e aparência. No livro, Nancy é um velho vivendo na Flórida e continua ganhando força e poder cada vez que suas histórias são contadas. Seguindo esta ideia de Deuses Americanos, esta matéria pode ser vista como uma fonte onde Anansi esteja ganhando seu poder e prolongando sua influência no mundo.

Algo profundamente interessante nesse personagem é a sua capacidade de manter Shadow e os leitores duvidando dos seus intentos. E tal como aconteceu com Bilquis, o destino dos seus fiéis não é necessariamente a salvação. Em entrevista ao New York Observer, o ator Orlando Jones falou da visão do deus durante a cena do navio:

“Da perspectiva de Anansi, não há nada a pensar a não ser ‘aqui estão crentes. Eu preciso que eles acreditem. E para que eles realmente acreditem, eu preciso que eles queimem esse navio’.”

O que você precisa saber sobre Mr. Wednesday

Anansi, a aranha astuta de África

Anansi

As lendas de Anansi (também conhecido como Ananse, Anancy ou Kwake Ananse) são originárias do povo Akan, nativos do Gana mas se espalharam por todo o oeste africano.

Retratado como um híbrido entre uma aranha e um homem, ele é conhecido por enganar os outros para seu próprio ganho. Isso não significa que ele não ajude outras criaturas mas tem de haver sempre algo que ele possa ganhar com isso.

Anansi é admirado pela sua capacidade de enganar outros maiores que ele, conseguindo vencer criaturas assustadoras graças às suas trapaças inteligentes e poder de persuasão. Os crentes de Anansi viam nele uma força a respeitar e alguém que dava esperança aos mais desafortunados.

Mas a maior lenda de Anansi fala dele como o deus que deu as histórias aos humanos. No início dos tempos, Nyame (o principal deus dos Akan) guardava todas as histórias e não as compartilhava com os seus adoradores. Anansi perguntou a Nyame quanto custaria a compra das histórias pois ele queria distribuir a sabedoria dos contos pelos humanos.

Nyame exigiu que Anansi trouxesse até ele a Píton, o Leopardo e as Vespas. O deus trapaçeiro podia ser pequeno mas graças às suas elaboradas artimanhas, ele conseguiu capturar os 3 animais que Nyame decretou. E foi assim que Anansi trouxe as histórias dos céus para a terra e foi transformado no deus das histórias do folclore africano.

É também a Anansi que é atribuída a criação do sol, das estrelas e da lua, assim como o ensinamento aos humanos da agricultura. Existem ainda contos que afirmam que foi ele quem persuadiu Nyame a dar a chuva e a noite à Humanidade.

Curioso para saber mais sobre Czernobog? Descubra a origem mitológica desse deus

Como Anansi chegou à América

Anansi

Na série Deuses Americanos, Anansi chega através das orações de um escravo aprisionado em um navio rumo ao Novo Mundo. Embora ficção, é verdade que as lendas do deus africano chegaram ao continente americano através dos escravos.

Os africanos que tinham sido retirados contra a sua vontade das suas terras e famílias, viam em Anansi uma inspiração. Eles se identificavam com a história dos pequenos contra os grandes, ganhando força nas suas histórias muito à semelhança da lenda bíblica de David contra Golias.

A capacidade de enganar e derrotar criaturas maiores que ele, tornaram Anansi em um deus extremamente popular e um símbolo da revolta para os escravos. O seu espírito deu esperança a todos aqueles que buscavam a liberdade ou a mera sobrevivência nesse Novo Mundo.

Com o passar dos séculos, o nome e género do deus foi transformado no sul dos Estados Unidos. Anansi passou a Tia Nancy, uma mulher-aranha e várias das suas histórias foram atribuídas ao coelho Br’er, um espírito africano conhecido pela sua astúcia.

Saiba mais sobre Easter, a deusa da Páscoa de Deuses Americanos

Entre no nosso grupo de Facebook da série