Uma pedra mágica que chamou a atenção até mesmo do maior mago das trevas de todos os tempos, Você-Sabe-Quem. Entretanto, a influência da pedra filosofal vai muito além das páginas do livro de Harry Potter, datando de centenas de anos atrás. Saiba mais sobre esse misterioso artefato.

O que é a Pedra Filosofal em Harry Potter?

Conceito

Segundo os livros de Harry Potter, a pedra filosofal é uma pedra artificial com poderes mágicos capazes de transformar qualquer material em ouro puro e de produzir o Elixir da vida. Foi criada pelo bruxo Nicolas Flamel (traduzido para Nicolau Flamel na versão brasileira da saga de Harry Potter) no século XIV.

Flamel utilizou dos poderes da pedra para estender sua vida até o século XX, quando decidiu destruir a pedra após ela quase ter sido roubada por Lorde Voldemort em 1992.

Uma pedra lendária da história real

Lenda

A pedra filosofal, no entanto, não é uma invenção de J.K. Rowling para a série de livros de Harry Potter. Por muito anos várias pessoas tentaram criar essa substância tão incrível, tais pessoas eram conhecidas como alquimistas. Tudo que possuíam para buscar a criação da pedra era a concepção teórica de que ela existiria, e as especulações de alquimistas do passado de como obtê-la.

De acordo com textos medievais, a pedra filosofal seria uma combinação dos quatro elementos clássicos, fogo, terra, água e ar. Teria a forma cristalina, parecida com vidro, e se apresentaria em duas cores. A branca seria usada para transmutar metais em prata, e a vermelha para transmutar em ouro. A pedra branca era considerada uma versão imatura da vermelha. Outras características da pedra é ser mais pesada que o ouro, solúvel em qualquer líquido e nunca consumida pelo fogo.

Também há relatos de Nicolas Flamel na história da humanidade. Embora ele não tenha sido um bruxo, foi um escriba e vendedor de manuscritos que nasceu no século XIV. Contudo, após sua morte em 1418, ganhou a reputação de alquimista e de que teria conseguido desenvolver uma pedra filosofal, adquirindo assim a imortalidade. 

Propriedades

Propriedades

A pedra filosofal procurada pelos alquimistas possui poderes incríveis como àquela descrita nos livros de Harry Potter. Tem a capacidade de transmutar qualquer metal básico em ouro ou prata, cura qualquer doença e estende a vida de qualquer um que consuma uma pequena lasca. A pedra também teria a capacidade de criar uma lâmpada que nunca se apaga, reviver plantas e transformar cristais comuns em pedras preciosas

Os Alquimistas

Alquimistas

Os alquimistas eram as pessoas que tinham como um de seus objetivos a produção da pedra filosofal. Eles dedicavam suas vidas ao estudo da alquimia, conhecimentos antigos que unia tanto conceitos científicos, quanto filosóficos. A alquimia é uma tradição antiga que visava a purificação, maturação e aperfeiçoamento das substâncias e objetos. Pode ser vista como um antepassado da química moderna.

A busca pela pedra filosofal era conhecida como Magnum Opus (A Grande Obra), e muitos alquimistas dedicavam suas vidas em busca dessa substância. O Magnum Opus era descrito como quatro estágios para alcançar a pedra filosofal, descritas por cores e cada uma correspondendo a um processo diferente. Eles são:

  • 1° Estágio: Nigredo (cor preta) - Decomposição;
  • 2° Estágio: Albedo (cor branca) - Purificação;
  • 3° Estágio: Citrinitas (cor amarela) - Transmutação;
  • 4° Estágio: Rubedo (cor vermelha) - Conclusão.

Os Alquimistas possuíam outros objetivos além da transmutação de metais em ouro. Uma de suas buscas mais conhecidas era a produção de um remédio capaz de curar todas as doenças, chamado de Panaceia. Outra era a produção do solvente universal, que pudesse dissolver qualquer substância, o Alkahest. Por fim, também tentavam criar homúnculos, pequenos seres humanoides criados artificialmente.

Essa é a origem de um dos objetos mais marcantes da série de livros do Harry Potter. Seu criador, Nicolas Flamel estará presente no próximo filme da série Animais Fantásticos e Onde Habitam, com previsão de estreia em 2018. Talvez vejamos um relance da pedra em alguma cena. O que você acha?