Fique sabendo o essencial sobre o Homem-Elástico, o contorcionista da DC!

No mundo dos quadrinhos existem vários personagens capazes de esticar o seu corpo de várias formas para alcançar distâncias nunca antes vistas, mas o Homem-Elástico é um cara especial.

A sua história de origem é diferente da de todos os outros e o seu dinamismo fazem dele um personagem completamente imprevisível e por vezes até perigoso.

Neste artigo você vai ficar conhecendo o essencial sobre o contorcionista da DC Comics, um personagem que tem tanto de alegre e cômico, como de triste e depressivo.

Na sombra do seu irmão

elastico

Ralph Dibny tinha um irmão que era sem dúvida o preferido de todo mundo. Ele era bem-sucedido na escola, era um excelente atleta e super popular entre todos na cidade em que os dois viviam. Já Ralph era o oposto, ele estava sempre buscando problemas e era considerado o palhaço da turminha.

No entanto, ele adorava contorcionistas e o que eles conseguiam fazer com o seu corpo graças à sua flexibilidade e agilidade.

Foi aí que ele tentou descobrir qual o segredo dos contorcionistas que fazia com que eles fossem tão flexíveis. Ralph acabou descobrindo que todos eles bebiam um refrigerante chamado Gingold.

Depois de ter feito esta descoberta, ele começou a estudar química, de forma a fazer uma versão super concentrada do Gingold que acabou lhe dando os seus super-poderes.

O primeiro a revelar a sua identidade

homem-elástico

Logo após conseguir os seus poderes, Ralph iniciou a sua carreira como super-herói, utilizando o nome de Homem-Elástico. Apesar de ter um codinome, a sua identidade secreta foi revelada passado pouco tempo.

Na realidade o Homem-Elástico foi um dos primeiros super-heróis da DC Comics a revelar a sua identidade secreta, o que na época foi uma novidade tremenda para muitos dos leitores de quadrinhos.

Isto também revela um pouco da personalidade de Ralph, um cara simples e bastante ingênuo, que nunca vê o pior lado das pessoas.

Um dos heróis mais fiéis dos quadrinhos

homem-dourado

Para além de ter sido um dos primeiros super-heróis a revelar a sua identidade secreta, o Homem-Elástico também foi um dos primeiros a casar com o seu par romântico.

Ralph e Sue se tornaram um dos casais mais importantes da DC Comics, tendo ajudado a Liga da Justiça em alguns casos, resolvendo mistérios entre muitas outras coisas.

Curiosamente, os dois tiveram um relacionamento bastante estável, feliz e aparentemente sem qualquer problema, o que é muito pouco comum em relações de super-heróis.

Do mais feliz para o mais deprimido

elongated sue

Tudo corria bem para o casal até que Sue acabou sendo assassinada pela ex-mulher do ÂtomoJean Loring. Após este acontecimento a vida de Ralph mudou para sempre, ele entrou numa espiral depressiva da qual já não conseguiu sair.

O Homem-Elástico esteve até perto de cometer suicídio quando descobriu que a sepultura de Sue tinha sido vandalizada.

Isto demonstra que este herói é um personagem com "duas caras", capaz de ser inspirador e positivo servindo de alívio cômico, mas ao mesmo tempo ele pode ser super sério, sendo por vezes até bastante sombrio.

Ele tentou por várias vezes ressuscitar Sue, mas sem qualquer tipo de sucesso. No entanto esta não seria a última vez que os dois se encontrariam. Mais tarde Ralph acabou por morrer e os dois voltaram a se juntar como fantasmas. Este é um exemplo de um amor que nem mesmo a morte conseguiu separar.

Os seus poderes têm limites

elongated-man

Como o seu nome sugere, o Homem-Elástico consegue esticar os membros do seu corpo até diferentes distâncias. Este super-poder faz com que ele consiga se colocar em diferentes posições e formatos. Ralph pode ficar tão fino como uma folha de papel ou transformar os seus dedos em chaves de forma a conseguir abrir fechaduras.

Ele consegue ainda alterar a aparência da sua cara, no entanto esta habilidade é super dolorosa para ele e requer um esforço extra por parte do herói.

Apesar dos seus incríveis super-poderes, eles têm alguns limites. Ele não consegue se esticar até ao infinito, existindo um limite físico, e ele não consegue abrir buracos no seu corpo como o Homem-Borracha consegue fazer.