Guardiões da Galáxia 3: Edgar Wright quer retorno de James Gunn

Desde que o diretor e roteirista James Gunn foi demitido da Marvel/Disney, as especulações sobre quem poderia substituí-lo na direção de Guardiões da Galáxia 3 destacam diferentes nomes.

Entre eles, Edgar Wright, diretor de Baby Driver, foi apontado como um dos possíveis nomes. Wright, contudo, tem sua própria indicação para quem deveria dirigir o filme: James Gunn!

A sugestão de Wright

I'd like to throw in this suggestion too: @JamesGunn

— edgarwright (@edgarwright) 28 de janeiro de 2019

Edgar Wright foi abordado por uma fã no Twitter, que o marcou em uma mensagem na qual indicava diretores que poderiam assumir o terceiro filme da franquia Guardiões da Galáxia.

"Oi, Disney Studios e Marvel Studios. Por favor, contratem alguém para Guardiões da Galáxia. Eu já votei em Edgar Wright, Philil Lord/Chris Miller e Taika Waititi. E eu ficaria feliz em explicar essas sugestões."

Após visualizar o tweet da fã, no qual ela indicava também Lord e Miller (diretores de Uma Aventura LEGO) e Waititi (Thor: Ragnarok), Wright respondeu:

"Eu gostaria de incluir um sugestão também: James Gunn."

james gunn edgar wright
Edgar Wright / James Gunn

James Gunn foi demitido pela Disney no ano passado após uma série de tweets do diretor voltarem à tona. As mensagens, algumas de mais de dez anos atrás, tinham conteúdo homofóbico e faziam piadas sobre pedofilia, estupro e outros assuntos em tom ofensivo.

Na ocasião, Gunn se desculpou sobre as mensagens e afirmou que não é mais aquela pessoa que faz humor com coisas sérias. O diretor recebeu apoio de todo o elenco principal de Guardiões da Galáxia, que chegou a publicar uma carta aberta assinada por todos os atores.

Petições que exigem a recontratação do diretor também foram feitas na Internet. E, pelo visto, colegas de trabalho, como Wright, também são a favor do retorno de Gunn.

James Gunn, contudo, já seguiu em frente e assinou contrato para escrever o roteiro de Esquadrão Suicida 2, da DC.