Conheça melhor Rorschach, o terror do submundo!

Watchmen, a obra de Alan Moore e Dave Gibbons, é uma das mais poderosas, viscerais e impactantes publicações dos últimos 30 anos. Um enredo poderoso, com personagens com motivações bem destintas, mas todas elas extremamente complexas. Independentemente do leitor, todos encontrarão algo de si mesmo nas páginas desta fantástica série de HQs.

Um dos personagens mais poderosos é sem dúvida Rorschac. Um homem que fez da sua própria loucura o seu maior dom e o seu compasso moral num mundo de desordem e caos.

O mundo é como um teste de Rorschach, ele significa aquilo que você quiser

Walter Joseph Kovacs

Por trás da famosa máscara preta e branca, está um homem de carne e osso. Walter Joseph Kovacs é seu nome e a sua vida nunca foi um conto de fadas. Filho de uma prostituta e de um homem, cuja a identidade é desconhecida, Kovacs teve uma infância difícil, onde só encontrou pobreza, abuso e desgosto.

Tamanho trauma, fez com ele desenvolvesse uma personalidade instável e com características, do ponto de vista emocional, super complexas, imprevisíveis e de uma intensidade fora do comum.

Com apenas 16 anos, Kovacs começou trabalhando numa fábrica têxtil. Foi lá que ele viu pela primeira vez um tecido especial, que dependendo da pressão e da temperatura, fazia com que o seu padrão fosse alterado, este foi o primeiro passo para o nascimento de Rorschach.

Walter Kovacs morreu, só existe Rorschach

Rorschach

Depois de ter acesso a este tecido especial, Kovacs criou a famosa máscara, que tão bem caracteriza o anti-herói. Iniciou-se assim uma carreira como vigilante, criando uma nova identidade a que chamou de Rorschach.

Rorschach não é um personagem normal. Muito mais de que um cara físico, são as suas características mentais que o destacam de todos os outros super-heróis, anti-heróis e até mesmo vilões. Ele segue um código moral próprio e completamente incorruptível, se mantendo sempre fiel aos seus princípios e aquilo que acha que é correto.

O papel deste personagem em Watchmen, se aproxima muito do de um detetive e a sua primeira missão como vigilante foi uma investigação sobre o misterioso desaparecimento de uma criança.

Ele descobriu que a garota foi brutalmente abusada, assassinada e dada a comer para cães. Depois de matar os cães, Rorschach apanhou o assassino e o queimou vivo. Foi neste momento que Walter Kovacs morreu e Rorschach se tornou no personagem principal na vida deste homem.

O papel de Rorschach na trama de Watchmen

Rorschach

Após a morte do super-herói Comediante, Rorschach iniciou uma complexa teoria de que alguém estaria orquestrando uma série de mortes, tendo como alvo alguns super-heróis.

O próximo passo de Rorschach foi entrar em contato com outros heróis como o Nite Owl, Dr. Manhattan e Ozymandias. Entretanto, todos eles não deram importância à teoria desenvolvida pelo detetive, pois todo o mundo odiava o Comediante. Apesar de servir o país como um herói ele era um ser humano horrível.

Passado algum tempo, o Dr. Manhattan abandonou o planeta terra, após ter sido convencido que a sua existência estava contaminando outras pessoas com radiação, algo que só tornou a teoria de Rorschach ainda mais credível... Alguém queria manter os super-heróis bem longe.

Numa noite, durante uma das suas investigações, Rorschach foi surpreendentemente apanhado pela polícia que acabou o levando para a prisão... A trama estava se tornando mais densa.

Depois de ter conseguido fugir da prisão, com a ajuda do Nite Owl, Rorschach soube que era Ozymandias quem tinha orquestrado tudo, com o objetivo de destruir Nova Iorque.

Segundo Ozymandias, tudo isto serviria para unir as pessoas de todo o mundo em torno de um ódio comum, acabando assim com todas as divisões.

Fiel a si mesmo até ao fim

rorschach

Apesar de tudo, Rorschach foi demasiado lento e a destruição de Nova Iorque foi iniciada, enquanto ele e Nite Owl tentavam parar Ozymandias.

Dr. Manhattan regressou ao planeta Terra com o intuito de ajudar Rorschach a parar o Ozymandias. Contudo, ele descobriu que todo este plano macabro tinha funcionado e que apesar de toda a destruição de Nova Iorque, o mundo tinha se tornado mais unido.

A Guerra Fria tinha assim terminado e o mundo já não estava mais em risco de um possível apocalipse nuclear. O Nite Owl acabou também por concordar que manter tudo isto em segredo seria o mais correto a fazer, desta forma a morte de milhões não teria sido em vão.

Já o código moral de Rorschach era bem claro, o mundo tinha que saber a verdade. No entanto, o Dr. Manhattan não iria permitir que ele contasse a verdade, algo que fez com que Manhattan não tivesse outra escolha a não ser matar Rorschach.

Apesar de tudo isso, Rorschach estava dez passos à frente do resto do mundo. E ainda antes de tudo isso acontecer, ele tinha enviado o seu diário para a imprensa, revelando tudo o que ele tinha descoberto.

Rorschach é sem dúvida um dos personagens mais interessantes e mais densos da história dos quadrinhos. Apesar de ter semelhanças com outros heróis, ele retrata de forma única a vida de um cara que nunca foi feliz e que utilizou todo o seu desgosto para tentar fazer algo de bom pelo mundo.

Enquanto que o Batman pensa que às vezes, o mundo merece mais do que a verdade. Rorschach não cede em nenhum momento, defendendo que a verdade está acima de tudo, por mais dura, terrível e injusta que seja. Isso faz de Rorschach um personagem único.