Artista brasileiro teve cameo em Homem-Formiga e a Vespa

O Universo Cinematográfico da Marvel é famoso por ter vários easter eggs na forma de participações especiais, a mais famosa e uma piada recorrente são as aparições de Stan Lee.

Contudo, em Homem-Formiga e a Vespa, aconteceu uma participação especial que passou desapercebida por muita gente, mas que é a representação do Brasil no filme: a participação do artista Rodrigo Bastos Didier.

Como foi a participação

Lilly e Didier

Essa curiosidade foi revelada durante a Fan Expo Canada, evento que Evangeline Lilly esteve presente para divulgar sua série de livros The Squickerwonkers, que é ilustrada por Rodrigo Bastos Didier, que também estava no evento.

Ambos foram perguntados sobre quais equipes e parcerias gostariam de ver em futuros filmes da Marvel. Enquanto Lilly pouco disse (por saber mais sobre o futuro da Marvel e estar contratualmente impedida de revelar qualquer coisa), Didier aproveitou o momento para contar sobre sua participação. Confira o que ele disse:

Sabe, eu tenho um segredo para contar. Em Homem-Formiga e a Vespa, se você ver quando Hope van Dyne entra no restaurante e fala com Sonny Burch, você lembra dessa parte? Eu sou o garçom do restaurante."

Rodrigo Bastos Didier é um artista brasileiro que nasceu e cresceu em Recife. Estudou na Gnomon, escola de efeitos visuais de Hollywood. Atualmente vive em São Paulo e trabalha como artista freelance.