Vingadores: Ultimato | Por que Hulk não quis lutar? [Teoria]

Você que assistiu a Vingadores: Guerra Infinita ficou se perguntando por que o Hulk após voltar para a Terra não quis lutar? O assunto, que foi um dos principais focos nas rodas de conversas dos fãs, ainda deixa dúvidas do porquê o Gigante Esmeralda não deu as caras na batalha de Wakanda, por exemplo.

Para tentar entender um pouco mais sobre esse assunto, uma teoria pode ter explicado o motivo pelo qual Hulk resolveu não aparecer em Guerra Infinita.

Hulk medroso?

Hulk

A teoria em questão, feita por um fã, fala sobre o motivo do herói não ter aparecido no momento em que os Vingadores mais precisavam de ajuda de um dos heróis mais fortes da equipe. E a resposta pode ser: a culpa foi do Thor!

A teoria afirma que em Thor: Ragnarok  quando Hulk se manteve no controle ao invés de Banner, ele conseguiu evoluir: falar, adquirir sentimentos e vontades próprias. Só que seu cérebro se assemelha ao de uma criança de sete anos. E como toda criança, ele faz birra.

Hulk passou três anos em Sakaar, planeta onde virou um guerreiro e o queridinho do Grão-Mestre, sem deixar que Bruce Banner retomasse o controle de seu corpo. Quando Thor luta contra o Gigante Esmeralda na arena e depois vão para o quarto de Hulk, o filho de Odin lhe diz algumas palavras para atingir o herói, mas logo após pede desculpas por isso.

Quando Thor diz a Hulk que todos na Terra o odeiam, o herói fica magoado. Por isso, em Asgard, Hulk luta contra Hela, bem como na nave que levava a tripulação asgardiana. Porém, quando ele chega à Terra, seu cérebro se recorda do que Thor havia dito em Sakaar e ele se recusa a aparecer.

Para ler a publicação original da teoria, clique aqui.

Vingadores: Ultimato é a culminação de 22 filmes lançados no decorrer de dez anos pela Marvel Studios. O longa chega às telonas no dia 25 de abril deste ano.