Deidara: história, jutsus e trajetória na Akatsuki | Naruto Shippuden

Logo que Deidara estreou no universo de Naruto, uma pesquisa oficial de popularidade revelou que os fãs já o tinham como o 3º personagem mais querido do anime. Seu apreço pela arte, seus extremos poderes e sua coragem para enfrentar guerreiros como Naruto e Sasuke o fizeram conquistar o respeito até mesmo de Pain, líder da organização criminosa Akatsuki.

A origem e o passado de Deidara

deidara

Deidara nasceu em Iwagakure, a Vila Oculta da Pedra, onde foi aluno direto do Terceiro Tsuchikage, Ōnoki. O mestre era conhecido por ser arrogante, teimoso e orgulhoso. Em determinado momento, contudo, depois de Ōnoki ver a liderança de Gaara e a trajetória de Naruto, ele admite os erros que cometeu no caminho.

Embora Ōnoki se irritasse com frequência com Deidara - e até tenha ridicularizado a arte de argila explosiva de seu pupilo, para a frustração de Deidara - ele também tinha grande orgulho do crescimento e dos poderes de seu aluno.

Durante sua juventude, ele recebia elogios pelas esculturas de barro que fazia em seus treinamentos. Mas Deidara mirava mais alto. Como membro do Corpo de Explosão, ele tinha o Kekkei genkai Liberação de Explosão, uma técnica que permite o usuário usar o chakra explosivo para causar a explosão de objetos com que tiver contato. Seu objetivo era, então, unir essa habilidade ao kinjutsu de Iwagakure, recurso que possibilita amassar chakra em substâncias.

Sem medir consequências para obtê-lo, o shinobi (ninja) violou as leis de sua aldeia e roubou o kinjutsu (técnica proibida). Com a união das duas técnicas, Deidara conseguiu moldar seu chakra explosivo em uma argila com a qual podia construir espécies de explosivos vivos, de formas e tamanhos variados, que poderiam ser usados para atingir oponentes mesmo a grandes distâncias, com a detonação sendo ativada pelo comando Katsu. Após cometer esse delito, Deidara fugiu de Iwagakure.

Sua entrada na Akatsuki

deidara

Como nukenin (ninja fugitivo), Deidara passou a ajudar rebeldes de diferentes países, especializando sua técnica de arte e combate e se tornando uma espécie de bombardeiro terrorista. E foi exatamente a fama que começou a ganhar com essa sua atuação que chamou a atenção da organização criminosa Akatsuki.

Por ordens de Pain, líder da Akatsuki, os membros Sasori, Itachi Uchiha e Kisame Hoshigaki partiram em busca de Deidara para recrutá-lo para o grupo. Quando o nukenin recusou, Itachi decidiu desafiá-lo para um combate, com o resultado decidindo a entrada do novo membro ou não. Deidara aceitou, mas foi facilmente derrotado pelo Sharingan de Itachi e, desde então, passou a integrar a Akatsuki.

Por ter sido derrotado por Itachi e por ter consciência de que o Sharingan é mais poderoso que sua própria técnica, sua arte, Deidara alimentou um grande ódio de Itachi e seu irmão Sasuke. Durante seu tempo na Akatsuki, inclusive, o nukenin planejou se vingar de Itachi, chegando a desenvolver a técnica C4, com a qual seria capaz de combater o Sharingan do Uchiha mais velho e matá-lo.

Seus parceiros na Akatsuki

Sasori

deidara

O primeiro parceiro de Deidara na Akatsuki foi Sasori, alguém com quem o nukenin compartilhava o gosto pela arte. Uma mistura de infância solitária e uma fascinação por teatro de bonecos motivaram Sasori a se transformar em uma espécie de fantoche humano, equipando seu corpo com armas e outros recursos, que lhe permitiam, por exemplo, controlar seus oponentes como fantoches. Para Sasori, a arte era algo a ser deixado para o futuro.

Em determinado ponto da história, a dupla parte em uma missão para capturar Gaara e tentar extrair dele o Ichibi no Shukaku, também conhecido como Uma-Cauda, uma vez que um dos objetivos da Akatsuki era reunir todos os Bijū (Bestas com Caudas) e usar seus poderes para dar início a guerras. O plano era que o grupo mercenário fosse chamado e pago para impedir aquelas guerras, que as aldeias não sabiam que eram eles que causavam. Essa busca por reputação e dinheiro causou o colapso financeiro de várias vilas.

Durante a captura de Gaara, contudo, Deidara e Sasori foram encurralados e derrotados por Kakashi Hatake e Naruto. Sasori morreu na batalha, e Deidara saiu mutilado. Ainda assim, o confronto fez com que o nukenin despertasse um interesse em lutar com Naruto, após perceber que ele era realmente um Jinchūriki (portador de uma das bestas com caudas) de poder extraordinário.

Tobi

deidara

A relação entre Deidara e Tobi não poderia ser mais diferente da que o nukenin tinha com seu antigo parceiro. As constantes brincadeiras de Tobi irritavam Deidara ao ponto de, em determinados momentos, eles se separarem durante as missões.

Ainda assim, acabavam por lutar bem juntos, ajudando-se em batalhas, mesmo que não concordassem em quem ajudou quem ou quem foi o responsável pela vitória. Quando a dupla recebe a notícia de que Orochimaru estava morto, eles decidem procurar seu assassino, uma vez que ambos queriam ter sido o responsável por dar fim à vida do ex-membro da Akatsuki. Ao encontrar com aquele que matou Orochimaru, Sasuke Uchiha, Deidara trava uma batalha com o shinobi, enquanto é assistido por Tobi.

Morte e ressurreição

deidara

A batalha entre Sasuke e Deidara foi extremamente violenta. Ao descobrir que seu rival era o irmão de seu grande inimigo, Itachi Uchiha, e que também tinha o Sharingan, Deidara começou a usar as armas e técnicas que desenvolveu quando planejava se vingar de Itachi.

Arma após arma eram repelidas com sucesso por Sasuke, que resistiu até mesmo à combinação do recurso C2 e da convocação de um enorme dragão de argila que regurgitava minas terrestres. Já com uma irritação para Sasuke similar à que sentia sobre Itachi, Deidara usou sua bomba mais forte, o C4. Ainda assim, o genjutsu do Sharingan de Sasuke é mais forte.

Indignado não apenas com a derrota, mas também pelo desprezo de Sasuke com sua arte, Deidara se transforma em uma bomba e se mata na tentativa de matar Sasuke. Sasuke consegue escapar ao invocar a serpente Manda.

deidara

Durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi, Deidara acaba sendo ressuscitado por Kabuto Yakushi. Usando a Invocação: Reencarnação do Mundo Impuro, Kabuto trouxe de volta à vida Deidara, Nagato, Kakuzu, Sasori e Itachi.

Embora tenha ficado satisfeito com sua segunda chance para criar novas artes e enfrentar Naruto, mais para o final da guerra, Deidara consegue se libertar da Invocação do Mundo Impuro e desaparece em meio a uma luz brilhante, afirmando que "arte não é uma farsa".

De acordo com o Naruto Terceiro Databook, Deidara completou 82 missões oficiais, sendo 4 rank D, 27 rank C, 35 rank B, 13 rank A e 3 rank S.

Jutsus/Habilidades

deidara

A partir da Kekkei Genkai Liberação de Explosão, cujos únicos usuários são os membros do Corpo de Explosão de Iwagakure, Deidara era capaz de causar explosões em objetos a partir de um toque, com o uso de seu chakra explosivo.

Após roubar o Kinjutsu de Iwagakure, ele desenvolveu espécies de bocas especiais em suas mãos, a partir das quais conseguia criar argila explosiva, uma argila na qual tinha infundido seu chakra explosivo. Para ativar a explosão, Deidara usa o comando Katsu.

deidara

A união das duas técnicas possibilitou a Deidara criar diferentes objetos ou criaturas a partir de sua argila. Peixes, aves, dragões e até mesmo clones de si mesmo, tudo poderia virar bombas de longo alcance, meio de transporte ou outros recursos de combate e defesa.