Dave Bautista, o Drax, ameaça sair de Guardiões da Galáxia Vol.3

As repercussões da demissão de James Gunn ainda não acabaram. Após todo o elenco de Guardiões da Galáxia se mostrar a favor de Gunn, além de milhares de fãs também apoiarem o diretor, a Disney se mantém firme na sua decisão de não recontratar James Gunn para a produção de Guardiões da Galáxia Vol.3. Por causa disso, o ator Dave Bautista resolveu se pronunciar ainda mais ativamente sobre a situação.

Dando as costas ao projeto

costas

No início do verão dos Estados Unidos, ainda este ano, James Gunn havia terminado e entregado seu roteiro para Guardiões da Galáxia Vol.3. Trabalho esse que disse se orgulhar e ter colocado seu coração na produção. Contudo, meses depois, em Julho, ativistas conservadores desenterraram alguns antigos tweets ofensivos do diretor, que fizeram a Disney cortar relações com Gunn imediatamente.

Desde o princípio, Dave Bautista se posicionou em defesa de James Gunn. O ator não apoia os tweets, mas também diz que eles não refletem quem Gunn é realmente hoje em dia, que, segundo Bautista, é uma das pessoas mais bondosas que já conheceu. Além disso, Bautista também tem mostrado um descontentamento com a Disney, dizendo que é nauseante trabalhar para a companhia após a demissão de Gunn.

Mais recentemente, em entrevista para a Shortlist, Dave ameaçou a sair de Guardiões da Galáxia, caso o roteiro de Gunn não fosse utilizado na produção. A seguir se encontra uma transcrição traduzida das palavras do ator:

Meu posicionamento agora é que se [a Marvel] não usar aquele roteiro, então eu terei que pedi-los para me liberar do meu contrato, me cortar do filme ou me substituir. Eu estaria fazendo um desserviço ao James se eu não sair."

A Marvel ou a Disney ainda não se pronunciaram se utilizarão ou não o roteiro de James Gunn. Ao que tudo indica, ainda tem muita coisa para acontecer sobre a produção de Guardiões da Galáxia Vol.3.